A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 19 de Setembro de 2017

13/08/2017 20:30

Peritos do MS passam por capacitação sobre laudos em locais incendiados

Nyelder Rodrigues

Peritos criminais de Mato Grosso do Sul participaram na sexta-feira (11) de uma capacitação para realizar perícias em locais atingidos por incêndios. Ao todo, 43 servidores da Coordenadoria Geral de Perícias, além de agentes de polícia científica, foram ao evento na Escola de Saúde, em Campo Grande.

Os palestrantes foram os peritos criminais Cícero Wagner Calixto dos Santos, Aline Assunção Souza e Soraia Cristina Tiviroli Higa, todos do IC (Instituto de Criminalística).

O curso abordou seis grandes temas, entre eles estatística de ocorrências, objetividade jurídica e sujeitos, introdução à ciência do fogo, perícia em incêndios em veículos, perícia em incêndios florestais e estrutura do laudo pericial.

Os peritos oficiais ainda discutiram casos específicos e assistiram a vídeos de casos reais e simulações para identificar técnicas que vão ajudar a produzir laudos e provas periciais. O material do curso foi formatado pelo IC com 53 páginas e distribuído para todos os participantes. A carga horária total foi de 7h.

O trabalho da perícia em casos de incêndio é fundamental para garantir levantamentos precisos. Em situações onde há vítimas e até mesmo morte, os laudos garantem à investigação materialidade para o inquérito ser levado à Justiça.

Demanda - Conforme números da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), em 2016, as ocorrências de incêndio com acionamento da perícia somaram 394 em Mato Grosso do Sul.

Entre janeiro de 2013 e junho de 2017, esse número chega a 1.809. Já no caso de incêndios em mata ou floresta, foram 40 registros no ano passado. No perído de janeiro de 2013 a junho deste ano, a estatística aponta para 93 ocorrências.

"A principal importância de capacitações como essa é que peritos da Capital e do interior possam ter conhecimento para elaborar os laudos conclusivos", explica o diretor do Instituto de Criminalística, Marcelo Pereira de Oliveira.

Marcelo é perito criminal e completa ainda que os documentos elaborados "vão auxiliar o julgamento pela Justiça, principalmente em casos que envolvem risco à vida das pessoas e incêndios criminosos", frisa.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions