A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

12/03/2012 09:35

Polícia investiga caso de paciente que caiu do 7° andar e morreu no HR

Paula Maciulevicius

O caso foi registrado como morte a esclarecer e a Polícia aguarda resultado do exame necroscópico

A 5ª Delegacia de Polícia da Capital investiga a morte de um paciente que caiu do 7° andar na manhã deste domingo, do Hospital Regional, em Campo Grande.

Sebastião Silva Neto, 59 anos, estava internado no referido andar, na ala da Clínica Médica, desde sexta-feira (9).

Segundo a Polícia, Sebastião caiu por volta das 10h do 7º andar, na laje do 3° andar. Ele foi socorrido imediatamente pelos próprios funcionários do hospital. O Corpo de Bombeiros e o Samu também foram acionados, mas devido à gravidade dos ferimentos, o homem morreu ainda na laje.

O caso foi registrado como morte a esclarecer e a Polícia aguarda resultado do exame necroscópico.

Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...
Crianças do Vespasiano Martins recebem Papai Noel e ganham presentes
As crianças do loteamento Vespasiano Martins, na periferia de Campo Grande, receberam a visita especial do Papai Noel neste sábado (16). Foram distri...


Senhores como uma ala de hospital localizada no 7º andar não grades de segurança? E os enfermeiros onde estavam? Se não havia quem o cuidasse por que não chamaram os familiares? Nós pagamos impostos para que presidiários tenham comida e onde dormir, e caso um desses venha à sofrer algum ferimento no mínimo dois PMs ficam de vigia, mas para um cidadão não.
 
Jorge Francisco dos Santos em 12/03/2012 12:56:36
O que acontece é que tem muitos enfermeiros que se formam de qualquer maneira, e se tornam profissionais sem responsabilidade e sem amor a profissão, não tomam os devidos cuidados com pacientes e não tem o senso de observação, para prevenir futuros surtos de depressão nos tais,onde acontece esses casos, de 1000 enfermeiros se tira um,que colóca o amor em primeiro lugar.muitos só pensam nos $$$$.
 
Lerimar de Sousa em 12/03/2012 11:21:12
Tem uma televisao no posto de enfermagem e dificilmente esta desligada sem alguem do corpo de enfermagem assistindo. é so alguem verificar...é muito facil tirar conclusoes.
Será que alguns dos senhores leitores, os que são empregados, tem uma televisao para ficar assistindo enquanto trabalham?
 
carlos souza em 12/03/2012 11:16:40
então vao verificar a santa casa dá até nojo desde de parede a banheiro, aquilo e uma calamidade publica mesmo . Fiquei lá dois dia com meu irmão, aquilo e só por Deus mesmo...
 
rosalia pereira martins em 12/03/2012 11:06:43
Não sei o q aconteceu com esse senhor, mas vou falar uma coisa se uma pessoa ficar mas de 2 dias em um dos nossos Hosp.publicos ela pira, é um ambiente assustador horrivel, estou com meu pai no H.U faz uma semana no corredor, sei que lá não é um parquinho, mas poderia se mudar o ambiente pintar aquelas paredes dar mas alegria diminuir o sofrimento daquelas pessoas, passar dias naquele ambiente doi
 
Ricardo Ramos em 12/03/2012 10:34:39
É PRECISO PREVENIR, OS HOSPITAIS DE CAMPO GRANDE MS, NENHUM TEM PREVENTIVO, QUANTO A EVASÃO OU SUICÍDIO, OU SEJA, JANELAS ABERTAS, ELEVADORES SEM GUARNIÇÃO, OS PACIENTES INTERNADOS, SÃO TENTADOS, PORTANTO, TERÃO QUE TELAR TODAS AS JANELAS DOS HOSPITAIS, PARA ISSO NÃO MAIS ACONTECER, TELAS DE ARAME, POIS DE PLÁSTICOS ELES CORTAM E VÃO DESMORALIZAR OS HOSPITAIS, INTELIGÊNCIA A MAIS, É MELHOR.
 
PEDRO BRAGAC em 12/03/2012 10:30:33
O cidadão comete suicidio e a culpa é da enfermagem ou corpo clínico? concordo com o comentário do Pedro que hospital não é cadeia, mas deveria ter grades e medidas preventivas para conter possiveis desiquilibrio emoniconais dos pacientes.
 
Agamenon Nascimento em 12/03/2012 01:55:21
Ao invés de preocuparem-se se haverá ou não shows na expogrande,deveriam preocuparem-se com a higiene e descontaminação dos hospitais,como o H.U,H.R, Santa Casa,entre outros...Que são simplismente um "nojo",por essas coisas que tanta gente morre por infecção hospitalar. Postos de saúde,UPAS espalhadas pela cidade,onde só esquecem de"um mero detalhe",cadê o médico para atender a população carente?
 
kely valdez em 12/03/2012 01:15:09
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions