A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

03/08/2014 09:06

Polícia investiga invasão de casa com carro envolvido em homicídio

Kleber Clajus e Viviane Oliveira

A Polícia Civil investiga o uso de um veículo Gol, de cor preta, na invasão de uma casa no Jardim Los Angeles, em Campo Grande. Ele teria sido utilizado por três pessoas para vingar a morte de Cristiane da Silva Alcantara, 29 anos, baleada na noite de ontem (2) ao voltar de um churrasco na casa de amigos. A jovem estava acompanhada de Marcos Antônio Camargo da Silva, 23, também atingido pelos disparos nas costas e internado na Santa Casa.

De acordo com o delegado plantonista da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga, Gustavo Ferraris, ainda se apura se o veículo é o mesmo em que a jovem, em condicional pelo crime de tráfico de drogas, morreu. Este pode ter sido utilizado para invadir a residência de Sílvio Eduardo Vilalba Lima, 20, suposto autor dos disparos contra a jovem e seu amigo. Ele também está internado na Santa Casa, após ser baleado nas nádegas e tórax.

“Há indícios fortes que seja o mesmo carro. Não ficou claro se Silvio é o autor, mas pode estar envolvido. Já Marcos, conhecido como rato, tem passagem pela polícia enquanto adolescente. Também não se tem ao certo se o tiro era direcionado a moça ou ao rapaz”, ressaltou Gustavo Ferraris, ao informar que o caso será encaminhado para o 5º DP.

Silvio, em liberdade por não ter ocorrido flagrante, foi reconhecido em uma foto por Marcos Antônio no hospital, mas nega o crime. Um adolescente que estava na casa no momento da invasão ficou em estado de choque e também deve ser ouvido pelos investigadores para esclarecer os fatos.

O veículo Gol não foi localizado, bem como as três pessoas que o utilizaram na suposta vingança.

Baleados no Los Angeles – Conforme boletim de ocorrência, Cristiane da Silva e Marcos Antônio estavam em um churrasco na rua Agnelo Souza Castro, quando o esposo de Cristiane, Emerson Luiz, pediu o veículo Gol emprestado de um parente para Marcos levar Cristiane embora. No trajeto, poucos metros da casa onde acontecia a festa, ambos foram surpreendidos por um homem em uma bicicleta, que tirou uma arma da cintura e começou a atirar, provavelmente com um revólver calibre 38.

À Polícia, Marcos contou que os tiros transfixaram o automóvel atingido ele e Cristiane nas costas. Mesmo ferido, Marcos assumiu a direção do veículo e voltou para pedir socorro na festa. Os dois foram socorridos por um parente e pelo marido de Cristiane no mesmo veículo, que havia sido alvejado.

Cristine foi encaminhada para o UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Universitário, mas não resistiu aos ferimentos no ombro e perfuração do pulmão, morrendo em decorrência de hemorragia interna. Já Marcos, ferido no ombro direito e com o projétil alojado, foi transferido pelo Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência) para a Santa Casa.

Horas depois, a Polícia foi acionada novamente pela UPA do Universitário, ao receber Sílvio Eduardo com ferimentos no glúteo e tórax. Este também foi encaminhado para a Santa Casa.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions