A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

11/04/2014 10:40

Polícia localiza revólver calibre 38 usado para matar empresário

Graziela Rezende
Assim como o corpo foi escondido em uma fossa, arma usada no crime foi enterrada (Foto: Marcerlo Victor/Arquivo)Assim como o corpo foi escondido em uma fossa, arma usada no crime foi enterrada (Foto: Marcerlo Victor/Arquivo)

A Polícia localizou, na noite de ontem (11), a arma de fogo utilizada para executar o empresário Erlon Peterson Pereira Bernal, 32 anos, no dia 1° de abril, em Campo Grande. Segundo a delegada Maria de Lordes Cano, responsável pelas investigações, o revólver de calibre 38 também estava enterrado, assim como foi feito com o corpo da vítima.

“Nós interrogamos novamente os presos e com a continuidade das investigações localizamos a arma utilizada no crime”, afirma a delegada. Ela, no entanto, ainda não repassou detalhes de onde estava o objeto.

Os envolvidos, Thiago Henrique Ribeiro, 21 anos, suspeito de atirar na vítima, além o pedreiro Jeferson dos Santos Souza e o ajudante Rafael Diogo, conhecido como “Tartaruga”, ainda estão nas celas da Defurv (Delegacia Especializada de Repressão a Furto e Roubo de Veículos).

O funileiro Athaíde Pereira, 50 anos, também ficou detido por dois dias, mas foi liberado após pagar a fiança de quatro salários mínimos. Uma adolescente de 17 anos está apreendida na Unei (Unidade Educacional de Internação) Estrela da Manhã, na Capital.

Crime – A vítima saiu de casa às 14h da terça-feira (1°) para mostrar o veículo a um suposto cliente. O local combinado foi na avenida Interlagos, em frente a rotatória da Coca-cola, em Campo Grande. Ao chegar lá, um dos bandidos disse a ele que precisava mostrar o Golf a uma tia, para “fechar negócio”.

No entanto, poucos minutos após chegar na casa no bairro São Jorge da Lagoa, Erlon foi assassinado e o corpo enterrado em um fossa séptica.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions