A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

20/08/2013 17:40

Polícia ouve gesseiro que se diz vítima de racismo ao comprar água na Capital

Bruno Chaves

 

O gesseiro Daniel dos Santos Araújo, de 45 anos, que afirma ter sido vítima de racismo e preconceito ao tentar comprar água em um estabelimento comercial de Campo Grande, no dia 20 de julho deste ano, prestou depoimento nesta terça-feira (20) na Polícia Civil.

Acompanhado do sobrinho, que também deu depoimento, Daniel foi à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro. Os dois foram ouvidos pela investigadora da delegacia.

“Ratifiquei o que já havia dito. Quero que as pessoas respeitem a gente”, contou Daniel.

Segundo o gesseiro, o episódio de preconceito sofrido por ele será citado durante a abertura da III Conferência Estadual de Promoção da Igualdade Racial de Mato Grosso do Sul (III Conepir-MS), que ocorre amanhã (21), às 19 horas, no auditório Germano de Barros, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, no Parque dos Poderes, na Capital.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions