A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

24/06/2014 12:29

Polícia pede prisão de trio colombiano que roubou equipamento de fotógrafo

Francisco Júnior

A Polícia pediu a prisão de três colombianos que furtaram equipamentos de um fotógrafo durante um casamento que era realizado em dezembro deste ano na igreja São José, em Campo Grande.

A delegada da 1ª Delegacia, Ana Cláudia Medina, responsável pela investigação, indiciou o casal Christian Federico Esteves Macias, 35 , e Ana Milena Medina Cruz, 33, além de um comparsa deles por furto qualificado por destreza e concurso de pessoas.

O crime que eles cometeram em Campo Grande aconteceu no dia 7 de dezembro do ano passado. Durante um casamento o casal furtou equipamentos do fotógrafo Guilherme Molento, 28 anos, avaliados em R$ 30 mil. Na ocasião, a vítima filmou o momento do furto, situação que ajudou a a Policia identificar os bandidos.

Segundo a delegada, eles chegaram no dia 6 na Capital , furtaram o equipamento no dia 7 e no dia 8 fugiram da cidade. “ Eles não tem endereço no Brasil, fator que dificultou a identificação. Eles são especialistas nesse tipo de crime, eles vivem disso”, explicou a delegada.

Um casal com as mesmas características do que agiu em Campo Grande foi flagrado furtando equipamentos de um fotógrafo do Portal Terra no dia 18 de maio durante o jogo de inauguração da Arena Corinthians em São Paulo. “ Eu vi as imagens e quase certeza que são eles”, disse a delegada que ainda não recebeu uma resposta da justiça quanto ao pedido de prisão dos colombianos.

No ano passado o trio cometeu vários crimes no País. No dia 7 de maio daquele ano se aproveitando do descuido de uma acadêmica de administração da Espm (Escola Superior de Propaganda e Marketing), Christian furtou um notebook da vítima. Na ocasião, assim que ela denunciou o crime, a Polícia localizou o autor porque ele caminhava em atitude suspeita e sem o crachá.Três meses antes, , também na Capital paulista, o bandido foi flagrado tentando furtar um veículo parado naquele local. Ele apresentou uma habilitação falsa e foi indiciado pelo crime.

Em 2012, no dia 1° de julho, Christian fugiu com uma câmera Cannon, avaliada em R$ 4 mil, além de um tripé de R$ 400. O dono fazia filmagens no Centro Esportivo do bairro Consolação, quando sentiu falta dos equipamentos.

Já no dia 27 de maio, o colombiano foi descoberto logo depois de levar uma máquina digital Sony de um casamento que ocorria na igreja Nossa Senhora do Brasil, em São Paulo.

Veja a reportagem do Portal Terra sobre o furto ocorrido no dia 18 na Arena Corinthians

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions