A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

22/08/2013 19:45

Polícia prende dois suspeitos de executar delegado Paulo Magalhães

Vinícius Squinelo e Edivaldo Bitencourt
Reconstituição do crime foi realizada no dia 28 de junho, no prédio do Cepol (Centro Especializado de Polícia). Reconstituição do crime foi realizada no dia 28 de junho, no prédio do Cepol (Centro Especializado de Polícia).

A Polícia prendeu dois suspeitos de participar da execução do delegado aposentado Paulo Magalhães de Araújo, 57 anos, no dia 25 de junho deste ano, no Jardim dos Estados, em Campo Grande. Eles se apresentaram "espontaneamente" ao Garras (Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos), por recomendação do advogado, na segunda-feira (19).

José Moreira de Freitas, que é guarda municipal, e Antônio Benites, foram detidos. O funcionário público municipal estava sendo investigado pela corporação pela participação do crime há vários dias. Fontes confirmaram ao Campo Grande News, que ele começou a ser investigado pelo serviço de inteligência da Guarda Municipal, o que pode ter apressado a apresentação.

“Meu cliente se apresentou voluntariamente, já que não tem envolvimento nenhum com o crime”, defendeu o advogado Renê Siufi, que defende José Moreira. Segundo ele, a decisão de se apresentar ocorreu após a polícia fazer uma “batida” na casa da mulher do acusado.

Siufi alega que o cliente está sendo acusado injustamente. “É uma denúncia anônima, são meras conjecturas da polícia”, disparou.

O delegado Alberto Vieira Rossi, do Garras, evitou confirmar as prisões. "Não vamos falar nada porque o caso está sob segredo de Justiça", garantiu. No entanto, ele também evitou desmentir as prisões. 

Apesar do diretor-geral da Polícia Civil, Jorge Razanauskas Neto, ter garantido a solução do crime nesta semana, Rossi foi taxativo que o assassinato não será desvendado nesta sexta-feira. "Não vai ter novidade amanhã, nem depois", disse, frisando que as investigações estão avançadas e a polícia está fechando o cerco sobre os envolvidos no crime. 

Paulo Magalhães foi assassinado no dia 25 de julho deste ano. O delegado aposentado morreu quando buscava a filha na escola, no bairro Jardim dos Estados. Ele foi atingido por cinco dos seis tiros de uma arma de calibre nove milímetros, de uso restrito do Exército.

O assassinato vem causando polêmica e até levou a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) a pedir ao Ministério da Justiça a investigação pela Polícia Federal. A entidade teme que o crime fique impune, como ocorreu com os assassinatos de Edgar Pereira e Eduardo Carvalho.

Os dois homicídios seguiram o mesmo trâmite de Magalhães, foram colocados sob segredo de Justiça e até hoje não houve a punição dos envolvidos na execução.



ANTONIO CARLOS pra que passar a investigação desse delegado paulo pros promotores de justiça? Você e todo mundo se esqueceu que o caso motel, o caso escaramuça, depois de investigado pela policia, também foi investigado pelos promotores de justiça e so virou lambança. Caso motel foi um escândalo depois de investigado pelos promotores de justiça com irresponsabilidade e incompetência que ate o juiz mandou arquivar o processo. O caso escaramuça morreu na mão dos promotores de justiça sem conseguir andar pra esclarecer quem eram os mandantes e executores da morte do MARCO FARIA, ESCARAMUÇA. qualquer criança de esquina sabe quem mandou matar ele. Dirá quem investigou. A investigação do delegado paulo magalhaes, meu professor querido não vai dar nada. tem que ir pra policia federal mesmo.
 
antonio carlos prestes magalhaes em 25/08/2013 16:47:36
O segredo de justiça muitas vezes é sinônimo acobertamento de crimes de pessoas "importantes"!
 
Francisco Florisval Freire em 23/08/2013 18:34:51
"serviço de inteligência da guarda municipal, a que ponto chegamos ! isto esta previsto ou a função deles e a segurança de prédios do município ?" rodrigo silva

O QUE NÃO PODE COMPANHEIRO É A GUARDA MUNICIPAL COMPACTUAR COM ATOS COMO ESSE. TEM QUE TER SIM SUA AGENCIA DE INFORMAÇÕES, POIS ASSIM CORRIGEM POSSÍVEIS ERROS COM RELATÓRIOS E ENVIADOS PARA A CORREGEDORIA PARA QUE SE PUNA UM AGENTE E ATÉ MESMO EXCLUA A BEM DA DISCIPLINA E DO SERVIÇO PÚBLICO. ESSA INTELIGENCIA TEM QUE SABER TUDO DE SEUS AGENTES ATÉ MESMO LEVANTAMENTO PATRIMONIAL DE TODOS. LEIA MAIS CARO rodrigo, POIS NO MUNDO EM QUE VIVEMOS EM QUALQUER EMPRESA EXISTE SUA AGENCIA DE INFORMAÇÕES. SOU SERVIDOR PÚBLICO FEDERAL E APOIO ESTA AGENCIA SIM!!!! PARABÉNS GUARDAS MUNICIPAIS JA ESTAVAM A FRENTE DE TODOS NAS INFORMAÇÕES.
 
antoniojose@gmail.com em 23/08/2013 11:44:33
O sigilo das investigações é imprescindível para a cabal elucidação dos fatos, sob pena de a imprensa ajudar, ainda que involuntariamente, na estratégia de defesa dos investigados contra os quais ainda não haja elementos de convicção robustos o suficiente para a representação por sua custódia cautelar.
 
Paulo Alfredo Ocampos em 23/08/2013 09:18:20
É MUITO ESTRANHO UM GUARDA MUNICIPAL QUE GANHA TÃO POUCO CONTRATA O MELHOR ADVOGADO CRIMINALISTA DO ESTADO?
 
celia fernandes em 23/08/2013 09:16:46
O Delegado tem que perguntar para esse guarda municipal quem tá pagando esse advogado, um dos mais caros de MS, (com certeza ele não tá advogando por caridade), aí ele vai chegar quem está atrás (mentor) desses homicídios.
 
Jorge Santos em 23/08/2013 08:54:41
É O GUARDA MUNICIPAL QUE VAI PAGAR OS HONORÁRIOS DESSE ADV, QUE COM CERTEZA NÃO DEVE SER POUCO!!!! ESSA JOGADA NÃO COLOU!!!!!!!!!!!!!
ESTÃO SUBESTIMANDO A INTELIGÊNCIA DA POLÍCIA????

RENE SIUFI????
 
cristina gomes em 23/08/2013 08:25:33
serviço de inteligência da guarda municipal, a que ponto chegamos ! isto esta previsto ou a função deles e a segurança de prédios do município ?
 
rodrigo silva em 23/08/2013 08:11:58
O crime do Motel, o crime do Escaramuça, do dono do jornal entre tantos, esse agora do delegado parece que vai ficar na pasta de insolúvel. E todos tem o mesmo ardil, o pistoleiro contratado, geralmente de fora, vem e no mesmo dia mata o incauto, esse com envolvimento em rede criminosa.No caso em pauta é a primeira vez que um "pistoleiro profissional" se apresenta, aí fica fácil p a policia. Mandar os suspeitos pra temida DERF e logo vão abrir o bico e dirão que foi um caso mal resolvido com a vitima qdo delegado da ativa.O mandante mesmo, nunca será sabido. Policiais competentes envolvidos na investigação, verão todo o resultado em mãos de superiores onde uma outra versão será apresentada. Falá disso: e aquela morte suspeita de um delegado encontrado no pátio da DERF,há um tempo atrás?
 
samuel gomes-campo grande-ms em 23/08/2013 07:40:53
Parabens à nossa Polícia que mais uma vez desvendou quem são os executores desse crime, porem o mais importante será desvendar quem são os mandantes. Ora todo mundo sabe que o advogado de defesa é advogado de magnata e por isso só quem tem "tutu" tem condições de pagar. Quem está pagando!????. Cuidado para que esse crime não fique igual a vários outros, entre eles: Caso motel, o crime do vereador de Alvinópolis que até hoje não "descobriu" que são os mandantes.
 
João Carlos em 23/08/2013 07:39:01
A impunidade deste e de outros crimes de pistolagem em nosso estado, esta virando rotina! A incompetência do estado estimula a prática desse tipo de crime e coloca nosso estado a frente de uma péssima estatística, além de lançar descrédito sobre a atuação das autoridades constituídas TJ, MP e secretaria de segurança pública, uma vez que há indícios de estas estejam envolvidas, por quanto, é imperioso que a Polícia Federal assuma o caso!
 
Douglas Crivellente em 23/08/2013 06:17:50
E um Guarda Municipal tem dinheiro para pagar um advogado conceituado? PC, investiga logo da onde vem o pagamento deste Siufi, pois com (quase) certeza não é o Guarda Municipal, mas o mandante do crime quem esta bancando. Como era a sabedoria mor na época do escândalo Watergate: "follow the money": rastreia os pagamentos e se vai chegar no mandante do crime. Pois na verdade os executores não importam; poderia ter sido qualquer Paraguaio. O que importa é prender quem pagou para ter o delegado morto. So isso. Mas casos como o vereador de Alcinópolis e o jornalista Rocaro já mostram que aqui a policia só prende os executores, e mesmo com indícios fortes nunca acontece nada com os mandantes...
 
Marcos da Silva em 22/08/2013 22:57:47
Estranho! O suspeito é Guarda Municipal(ganha pouco) e tem condições de contratar um dos maiores e mais caros criminalistas do Estado?
 
MARCELLO MENDES em 22/08/2013 21:52:56
Prender quem matou e dizer que o crime está desvendado é proteger quem mandou matar, será que guarda municipal tinha interesse neste crime?. será que este guarda tem dinheiro para contratar um advogado como Rene siuf ?.
 
jorge ferreira em 22/08/2013 21:11:05
O ministério publica tem que investigar a fundo, esperamos que a policia não esteja acusando inocentes, para que servir de bode expiatório, não sei porque esse segredo de justiça neste caso, acho que tem que ser as claras, para não gerar desconfianças, tem que deixar a sociedade totalmente informada, as autoridades tem que vir a publico para dizer se esta esclarecido o crime, ou será que são acusações infundadas? Tomara que não.
O importante é que esse crime não fique impune, Já tive a oportunidade de conversar com o Dr. Paulo Magalhães, quando ele era Delegado, era um Homem extremamente correto nas suas atitudes, que deus possa confortar sua família!
 
antonio carlos em 22/08/2013 21:10:44
O ministério publica tem que investigar a fundo, esperamos que a policia não esteja acusando inocentes, para que servir de bode expiatório, não sei porque esse segredo de justiça neste caso, acho que tem que ser as claras, para não gerar desconfianças, tem que deixar a sociedade totalmente informada, as autoridades tem que vir a publico para dizer se esta esclarecido o crime, ou será que são acusações infundadas? Tomara que não.
O importante é que esse crime não fique impune, Já tive a oportunidade de conversar com o Dr. Paulo Magalhães, quando ele era Delegado, era um Homem extremamente correto nas suas atitudes, que deus possa confortar sua família!
 
antonio carlos em 22/08/2013 21:10:17
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions