A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

16/07/2015 11:24

Polícia "recria" posto específico para combater roubo de gado em MS

Filipe Prado e Leonardo Rocha
A seção foi instalada dentro do Parque de Exposições (Foto: Marcos Ermínio)A seção foi instalada dentro do Parque de Exposições (Foto: Marcos Ermínio)

Foi inaugurado hoje (16), na sede da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul ), localizada no Parque de Exposições Laucídio Coelho, o Posto de Atendimento da Seção de Repreensão a Crimes de Abigeato, crime que envolve o furto de gado, maquinário, agrotóxicos e etc. O posto foi realizado em parceria da associação com a Polícia Civil, através do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco e Resgate a Assaltos e Sequestros).

O presidente da Acrissul, Francisco Maia, que a central de inteligência dentro da associação facilitará a vida do produtor rural. “Aqui é caminho para os produtores, além de ter vários órgãos”, comentou. Os crimes de abigeato voltaram a tona este ano, depois de vários prisões realizadas pelo Garras.

Conforme a Polícia Civil, nos primeiro semestre deste ano, 30 pessoas de quatro quadrilhas foram presas pelo furto de gado. Maia alegou que os bandidos, normalmente, vêm de outros estados para realizar o furto em Mato Grosso do Sul. “Quando essas gangues souberem da ação da polícia e do posto, vão pensar duas vezes antes de vir para cá, porque vão saber que aqui não vão ter vida fácil”, ressaltou o presidente.

No posto terão cinco policiais de plantão, coordenados pelo Delegado Fábio Peró, conforme explicou o Diretor Geral da Polícia Civil, Roberval Maurício Cardoso Rodrigues. “Para investigar este tipo de crime, eles precisam ter experiência, saber conversar com o produtor e nossos policiais estão aptos para o trabalho”.

Além de investigação e registro da ocorrência, os investigadores poderão colher depoimento de testemunhas, realizar diligências, fiscalização em rodovias e participar de leilões, pois pode haver leiloeiros que tentam vender gado ilegalmente.

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) explicou que realizou uma reunião com os comandantes e coronéis da Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública), onde eles apresentaram um grande avanço na segurança do Estado. Nos primeiros seis meses de 2015, cerca de 150 toneladas de entorpecentes foram apreendidos, 76% a mais do que no ano passado.

“Essa delegacia é mais uma ação da segurança pública, onde haverá agentes experientes para combater este crime. Estamos preocupados com todos os setores, inclusive com os produtores”, comentou Azambuja.

A seção foi instalada em uma das salas da Acrissul, que foi reformada pelo associação, contendo telefones, internet, computadores, móveis, entre outros benefícios a disposição dos policiais.

O presidente da Acrissul apontou que a delegacia é avanço para produtores rurais (Foto: Marcos Ermínio)O presidente da Acrissul apontou que a delegacia é avanço para produtores rurais (Foto: Marcos Ermínio)
O diretor geral da Polícia Civil revelou que 30 pessoas de 4 quadrilhas já foram presas pelo crime este ano (Foto: Marcos Ermínio)O diretor geral da Polícia Civil revelou que 30 pessoas de 4 quadrilhas já foram presas pelo crime este ano (Foto: Marcos Ermínio)
Brinquedos feitos por detentos são doados para crianças em escola
Parceria feita entre a a Semed (Secretaria Municipal de Educação) e a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) garantiu ne...
Falta de pagamento faz prefeitura suspender hemogramas na rede pública
A falta de pagamento para um fornecedor de insumos fez com que a prefeitura de Campo Grande suspendesse a partir desta quarta-feira (13) a realização...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions