A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

28/11/2013 09:50

Polícia usa helicóptero de controle remoto para reproduzir atropelamento

Aliny Mary Dias e Graziela Rezende
Drone é usado em reprodução de acidente (Foto: Marcos Ermínio)Drone é usado em reprodução de acidente (Foto: Marcos Ermínio)

Com o objetivo de descobrir os detalhes do trajeto percorrido pelo motociclista Francisco da Silva, 21 anos, suspeito de atropelar e matar o menino de 3 anos João Carlos de Souza, no bairro Tarsila do Amaral na Capital, peritos da Polícia Civil usam um drone, helicóptero de controle remoto, para ter uma visão ampla da momento do acidente e até por onde o motociclista fugiu depois do acidente.

Conforme o perito Amylcar da Serra, o aparelho é usado em grandes capitais para tirar dúvidas de acidente. “Usamos nesse caso porque a rua foi recém urbanizada e por isso não conseguimos imagens aéreas atuais”, explica.

Com o procedimento chamado materialização aerofotogramétrica, os peritos pretendem descobrir o trecho por onde o motociclista empinou a moto e o exato momento do atropelamento.

“O drone dá uma visão ampla do local e vai identificar a possível rota de acesso ao local e por onde o motociclista fugiu”, conta o perito.

Além da visão aérea, os policiais irão coletar mais informações de testemunhas que viram o atropelamento.
Equipes da Polícia Militar interditam o trecho da Rua Mãe Menininha e servidores do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) participam da reconstituição. A expectativa é que a reconstituição dure a manhã toda.

 

Polícia pede prisão temporária de suspeito de atropelar e matar menino de 3 anos
A Polícia Civil entrará com o pedido de prisão temporária de um suspeito de atropelar e matar um menino de três anos, no dia 3 de novembro, no bairro...
Piloto suspeito de atropelar e matar menino de 3 anos está foragido
O delegado que investiga a morte de João Carlos de Souza, 3 anos, atropelado por um motociclista no bairro Tarsila do Amaral no dia 3, em Campo Grand...
Ceinf recebe nesta quinta parque de pneus construído por detentos
Acontece nesta quinta-feira (14), a partir das 8h no Ceinf (Centro de Educação Infantil) Rafael Abraão - CAIC Aero Rancho, a entrega do parque constr...


Almir P. Borges, não estamos pagando para ver. Os próprios peritos estão bancando os equipamentos, conforme relataram em matéria anterior publicada neste canal.
 
Marcelo Haupenthal em 29/11/2013 00:39:53
Maria da Silva, o equipamento é capaz de recriar os eventos em tempo real conforme a realidade virtual dos fatos. Assista o filme Déjà vu que entenderá mais sobre o caso.
 
Renan Calheiros em 28/11/2013 17:26:32
Sei lá! No meu tempo não havia essa "tecnologia", tudo era feito no olhômetro, com supedâneo nos vestígios do local, depoimentos de testemunhas, vítimas e autores dos delitos. E funcionava! Primeira vez que ouço falar neste helirob - monstrengo (misto de helicóptero e robô) . Será que funciona? Vamos pagar pra ver.
 
Almir P. Borges em 28/11/2013 16:16:36
Como funciona o equipamento?
 
Maria da Silva em 28/11/2013 10:58:23
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions