A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 23 de Setembro de 2017

01/09/2017 12:51

Prefeito diz que deve manter local de instalação de estátua de poeta

MPE recomendou ao município que mudasse local para homenagem

Mayara Bueno
Local onde será instalada estátua, no canteiro entre as ruas 13 de Maio e Rui Barbosa. (Foto: João Paulo Gonçalves).Local onde será instalada estátua, no canteiro entre as ruas 13 de Maio e Rui Barbosa. (Foto: João Paulo Gonçalves).

A estátua de 400 quilos de bronze feita para homanagear o poeta Manoel de Barros deve mesmo ser instalada no canterio entre as ruas 13 de Maio e Rui Barbosa, em Campo Grande. O MPE-MS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) havia recomendado que o município colocasse a homenagem em outro local.

O poeta faleceu em 13 de novembro de 2014 aos 97 anos.

Datado de 23 de agosto, o documento do Ministério Público à prefeitura se baseou em parecer do IHGMS (Instituto Histórico e Geográfico Urbano), contrário à instalação da estátua no canteiro central e pediu que a prefeitura escolhesse outro espaço da via.

Mas, conforme o prefeito da Capital, Marquinhos Trad (PSD), toda a extensão da principal avenida de Campo Grande se encontra na mesma situação jurídica. "E vai ser bom para o próprio exército e outros locais", disse justificando a instalação da peça no local onde havia sigo proposto.

Outra razão usada pelo MPE é que o local é um "sítio histórico militar", e, por isso, seria melhor a escolha de outro ponto. Nesta parte do canteiro, há um monumento aos heróis da FEB (Força Expedicionária Brasileira), enquanto na via sentido centro shopping há o hotel e museu militares.

Ainda de acordo com o prefeito, a área está pronta para receber a estátua, aguardando apenas a resposta do Ministério Público Estadual. "Já está tudo arrumado. É uma recomendação, não uma proibição. Acredito que vamos colocar no mesmo local".

A instalação aconteceria em agosto em comemoração ao aniversário dos 118 anos da cidade, lembrado em 26 do mês passado. Com a situação no MPE, a data foi adiada e o prefeito diz agora aguardar o retorno do órgão para marcar um novo dia.

Estátua do poeta, quando foi entregue na Governadoria, em abril. (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo).Estátua do poeta, quando foi entregue na Governadoria, em abril. (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo).

Estátua - Quem entregou a estátua ao Governo de Mato Grosso do Sul, em abril, foi o cartunista campo-grandense Victor Henrique Woitschach.

O projeto fazia parte da comemoração do centenário do poeta, festejado em 2016. O trabalho levou quase 4 meses para ficar pronto e foram necessários 400 quilos de bronze para produzir até uma réplica do sofá da casa de Manoel.

A estátua tem característicos e detalhes muito parecidos com Manoel de Barros, como a posição dos pés e o sorriso.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions