A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

14/04/2011 12:09

Prefeito tem 30 dias para decidir sobre tombamento do Rádio Clube

Aline dos Santos
Conselho de Cultura quer tombamento de fachada do Rádio Clube. (Foto: Simão Nogueira/Arquivo). Conselho de Cultura quer tombamento de fachada do Rádio Clube. (Foto: Simão Nogueira/Arquivo).

O tombamento do Rádio Clube, localizado na rua Padre João Crippa, será decidido pelo prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad (PMDB). O processo começou em 2008, a pedido do então vereador Jorge Martins.

A direção do clube recorreu, mas, na semana passada, o Conselho Municipal de Cultura manteve o tombamento da fachada do imóvel.

De acordo com o presidente da Fundac (Fundação Municipal de Cultura), Roberto Figueiredo, agora a decisão cabe ao prefeito. “Ele tem 30 dias para decidir”.

A proposta é que o tombamento abranja a fachada e as partes do imóvel que são remanescentes da década de 1940. Com o tombamento, o local não pode ser demolido, transformado, pintado ou restaurado sem a prévia licença da municipalidade, sob pena de multa.

O Rádio Clube foi fundado há 86 anos. Em 25 de dezembro de 1924, um grupo se reuniu na Biblioteca Pública, localizada na avenida Afonso Pena, para criar um centro de encontro familiar em Campo Grande.

Bom-senso – Presidente do Rádio Clube, Omar Ayoub salienta que o clube já passou por diversas reformas. “Essa já é a terceira sede. O clube já funcionou na Calógeras e na Afonso Pena”, relata. Segundo ele, por duas vezes o processo de tombamento já foi suspenso. “Acredito que o prefeito vai usar o bom-senso”, enfatiza.

Afonso Pena – Já o processo de tombamento do canteiro central da avenida Afonso Pena, a principal via de Campo Grande, segue indefinido.

Uma comissão de peritos (composta por representantes de secretarias municipais) propõe que somente trechos da avenida sejam alçados à condição de patrimônio.

Já o relatório do Planurb (Instituto Municipal de Planejamento Urbano) pede o tombamento de toda a via, que se estende da avenida Duque de Caxias até o Parque dos Poderes. O processo está em curso desde 2009.

Prefeitura faz tombamento provisório do Rádio Clube
A prefeitura de Campo Grande publicou edital de tombamento provisório do Rádio Clube Cidade, situado na rua Padre João Crippa. O tombamento provisóri...
Rádio Clube recorre contra tombamento de prédio central
O Rádio Clube recorreu contra o tombamento do prédio da sede cidade, localizada na Rua Padre João Crippa, no centro de Campo Grande. A medida foi tom...


Concordo com tombamento do Rádio. Só que existe coisa mais interessantes para se fazer com saúde que está se transformando num disastre, outro é a segurança precária, todos os se ouve falar em assalto em todos os lugares, é dia, anoite. Cada nossos políticos que estão aí e não faz para mudar a lei para punir os menores infratores.
 
Neuza Leal em 18/04/2011 09:01:07
As pessoas precisam de postos de saúde, transporte digno e área de lazer de qualidade...esses políticos ficam aí brigando por algo que não faz diferença alguma no dia-a-dia da sociedade, pegunte ao povo o que eles acham sobre isso!
 
Lucas Andade em 14/04/2011 12:22:17
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions