A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 19 de Agosto de 2018

12/01/2016 11:09

Prefeitura é multada em R$ 9 mil e tem 30 dias para regularizar Central

Natalia Yahn
Fogo foi controlado com extintores, pois bomba de água não funcionou. (Foto: Gerson Walber)Fogo foi controlado com extintores, pois bomba de água não funcionou. (Foto: Gerson Walber)

A Prefeitura Municipal de Campo Grande terá que pagar multa no valor R$ 9.160 por não ter um plano de incêndio e pânico, além de outras irregularidades, no prédio da Central de Atendimento ao Cidadão, na Rua Marechal Rondon.
Além do prejuízo financeiro, a administração municipal terá que ajustar toda a estrutura do local, que funciona irregularmente desde julho de 2013. A notificação e a multa foram emitidas pelo Corpo de Bombeiros.

O tenente-coronel Hudson Farias de Oliveira, chefe da assessoria de comunicação do Corpo de Bombeiros da Capital, informou que a multa corresponde aos problemas na manutenção da bomba de água e ainda a falta de sistema de alarme e iluminação de emergência.

“Também não foi apresentado o atestado de conformidade elétrica, que deve ser emitido por um engenheiro. E a Brigada de Incêndio não é certificada pelo Corpo de Bombeiros”, explicou.

Todas as irregularidades devem ser sanadas no prazo de 30 dias, que é o mesmo para o pagamento da multa.
“Caso os problemas persistam na nova vistoria, a multa será em dobro. E na terceira visita, no prazo de 60 dias, se não resolverem o prédio será interditado”, afirma o coronel.

Todos os problemas foram confirmados ontem (11), após vistoria técnica do Corpo de Bombeiros, que esteve no local por conta do princípio de incêndio. O fogo começou após curto circuito em uma lâmpada, e as chamas deixaram todo o prédio tomado por fumaça.

Funcionários da própria Central do Cidadão alertaram as pessoas que estavam no prédio sobre o perigo e orientaram a todos a saírem. Além disso, a bomba de água disponível no local não funcionou. O fogo só foi controlado com a chegada dos bombeiros, pois a lâmpada em chamas era de difícil acesso.

Ontem (10) o prefeito de Campo Grande Alcides Bernal (PP) prometeu regularizar a situação do prédio da Central de Atendimento ao Cidadão, “o mais rápido possível”.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions