A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 14 de Agosto de 2018

20/12/2011 10:01

PRF baleado em briga de trânsito diz não se lembrar o que aconteceu

Francisco Júnior

Policial prestou depoimento logo após receber alta do hospital

O policial rodoviário federal aposentado Sergio Demisque Siqueira, 55 anos, disse não se lembrar da noite em que foi baleado após uma briga de trânsito na avenida Marechal Deodoro, em Campo Grande. A tentativa de homicídio aconteceu no último dia 4.

De acordo com o delegado Fernando Nogueira, responsável pela investigação, o depoimento do policial foi colhido logo após ele receber alta do hospital, há uma semana e o efeito da medicação pode ter contribuído para não se lembrar do ocorrido. “Vou esperar passar esse período de reabilitação para depois interrogá-lo novamente”, disse o delegado.

O delegado informou ainda que as imagens gravadas por câmeras de segurança d o momento da confusão, que terminou com policial baleado, não estão nítidas e não contribuíram para a identificação do atirador.

Segundo Nogueira, duas pessoas que teriam testemunhado o crime também não foram localizadas.

O crime aconteceu por volta das 23 horas do dia 4. De acordo com o boletim de ocorrência, o policial conduzia uma caminhonete D-10 pela avenida quando um casal em um veículo VW Golf de cor prata fez sinal para que ele parasse. Em seguida, os dois condutores desceram dos veículos e passaram a discutir. Eles ficaram olhando em volta dos veículos, como se estivem procurando algum dano.

O policial foi atingido pelo tiro ao retornar para a caminhonete. O condutor do Golf atirou e fugiu em seguida na companhia de uma mulher. O crime foi testemunha por duas pessoas.

Sergio Demisque foi encaminhado em estado grave para a Santa Casa de Campo Grande e depois transferido para o hospital El Kadri, de onde recebeu alta na semana passada.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions