ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEXTA  30    CAMPO GRANDE 

Capital

Procon quer discutir desconto em ano escolar com metade das aulas virtuais

“Vamos tentar uma redução”, afirma titular do órgão de proteção a consumidor

Por Aline dos Santos | 01/04/2021 10:33
Procon vai convocar reunião para discutir mensalidade escolar. (Foto: Marcos Maluf)
Procon vai convocar reunião para discutir mensalidade escolar. (Foto: Marcos Maluf)

O Procon estadual vai fazer reunião na próxima semana para discutir desconto na mensalidade escolar no ano letivo de 2021. Os pais têm reclamado que metade das aulas devem ser virtuais, e querem pagar menos.

No ano passado, com a chegada da pandemia e fechamento das unidades escolares, a queda de braço entre pais e escolas se arrastou de março a maio, quando foi firmado acordo para redução de valores, considerando que os alunos estudavam de casa.

Em abril de 2020, Procon acertou com 120 escolas a redução de 10% para o ensino infantil a partir de 4 anos até a faixa etária do ensino médio. Mas algumas escolas reduziram até 20% dos valores ao longo do ano.

As aulas presenciais, com limite de alunos, foram autorizadas em setembro de 2020. Nas últimas duas semanas, os estudantes voltaram à modalidade remota, mas na próxima segunda retornam de maneira híbrida.

“Nós já estamos nos organizando junto com o Ministério Público e a Defensoria Pública. Vamos tentar uma redução”, afirma o superintendente do Procon (Superintendência Para Orientação e Defesa do Consumidor), Marcelo Salomão.

O presidente da Associação das Instituições Particulares de Campo Grande, Lúcio Rodrigues Neto, afirmou nesta quinta-feira que ainda não foi informado pelo Procon sobre reunião. A reportagem não conseguiu contato com o Sinepe (Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino).

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário