ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, SEGUNDA  27    CAMPO GRANDE 25º

Capital

Professora tenta tirar a vida e psicóloga impede

Professora quebrou copo, xícara e então, conseguiu alcançar tesoura, mas socorro foi rápido e ninguém se feriu

Por Anahi Zurutuza e Mirian Machado | 24/02/2022 14:59
Corpo de Bombeiros ficou de prontidão em frente à escola (Foto: Kísie Ainoã)
Corpo de Bombeiros ficou de prontidão em frente à escola (Foto: Kísie Ainoã)

Em surto, professora de 44 anos de uma escola da Rede Municipal de Ensino de Campo Grande, pegou uma tesoura com a intenção de tirar própria vida. Ela só se acalmou depois que psicóloga integrante do Programa Valorização da Vida, da Semed (Secretaria Municipal de Educação), chegou ao local.

A servidora da unidade escolar trabalhava numa das salas de aula, com uma colega, quando teve uma crise de ansiedade e começou a ficar ofegante. A funcionária saiu para buscar ajuda e quando voltava com a diretora, Elisangela Rodrigues Furtado, ouviu um barulho de copo quebrando.

A professora também quebrou uma xícara e então, conseguiu alcançar a tesoura, mas não feriu ninguém e não se machucou. Além de pedir socorro ao Corpo de Bombeiros, a diretora chamou a equipe do programa da Semed de combate a casos de ideação suicida, que dá assistência a servidores e alunos.

A paciente só se acalmou na presença da psicóloga, que ficou com ela em uma sala de aula escura, até o fim da crise. De lá, a servidora saiu andando até a ambulância do Corpo de Bombeiros, para ser levada a uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento). Todo o processo levou cerca de 3 horas.

“Ainda bem que tivemos essa ajuda. Um ótimo trabalho. A escola também recebe um treinamento”, comentou a diretora sobre o Valorização da Vida.

Elisangela explica que a professora faz tratamento psiquiátrico, está medicada e nunca havia sofrido crises como esta no ambiente de trabalho. Ela não dá aulas, mas trabalha no suporte pedagógico dos outros docentes. “Estava bem”.

O Campo Grande News preservou o nome da paciente e não divulgará o nome da escola para evitar que ela seja identificada.

Serviço - Em Campo Grande, o Grupo Amor Vida (GAV) presta um serviço gratuito de apoio emocional a pessoas em crise através dos telefones (67) 3383-4112, (67) 99266-6560 (Claro) e (67) 99644-4141 (Vivo), todos sem identificador de chamadas.

Ligue sempre que precisar! Horário de funcionamento das 07:00 às 23:00, inclusive sábados, domingos e feriados. Informações também pelo site (clique aqui).

Nos siga no Google Notícias