A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

13/04/2012 14:32

MPE pede internação por tempo indeterminado de adolescente que matou irmãos

Francisco Júnior
Garoto no dia em prestou depoimento na delegacia. (Foto: Minamar Júnior)Garoto no dia em prestou depoimento na delegacia. (Foto: Minamar Júnior)

A promotora da Infância e Juventude, Vera Bogalho, pediu a internação por tempo indeterminado do adolescente de 15 anos que matou a tiros os irmãos no bairro Moreninha 2, em Campo Grande. O crime aconteceu no último sábado (7), na casa onde os irmãos com os pais.

Além da internação, a promotora sugeriu que o adolescente receba acompanhamento psiquiátrico e psicológico no período em de internação, que conforme o ECA (Estatuto da Criança e Adolescente) não pode ultrapassar os três anos.

O garoto está internado na Unei (Unidade Educacional de Internação) desde o dia do crime e apreensão preventiva dele vale por 45 dias.

A promotora não revelou detalhes do depoimento do adolescente, informou apenas que ele responderá por ato infracional com três qualificadores: motivo fútil, torpe e por impossibilitar a defesa das vítimas.

Segundo Vera Bogalho, esse caso chama muita a atenção por envolver familiares. “Não é igual os casos de matar um desafeto, ele matou os irmãos”.

O garoto matou, a tiros, os dois irmãos, Rodrigo dos Santos Vilar, de 20 anos, e Walquiria dos Santos Vilar, de 22 anos, na manhã de sábado.

Ele esperou o pai, Paulo Vilar, de 51 anos, que é policial civil aposentado, sair para levar a esposa, Sônia Vilar, ao trabalho, pulou a janela do quarto dos pais e pegou um revólver calibre 38, que estava escondido no armário.

Primeiro, foi ao quarto do irmão. Rodrigo foi atingido por um tiro no peito enquanto dormia e morreu no local. Walquíria tentou fugir após perceber o que estava acontecendo, mas acabou sendo atingida por um tiro no peito e outro na nuca. Ela foi encontrada morta na varanda que dá acesso à cozinha da casa.

Após o crime, o menino jogou a arma na churrasqueira da casa e fugiu. O policial civil encontrou os filhos mortos quando voltou para casa. O revólver foi apreendido pela Polícia.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions