A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

23/05/2016 18:08

Promotoria abre inquérito para investigar vacinas "perdidas" na Capital

Prefeitura afirma que doses vieram com quantidades inferiores que a esperada

Leandro Abreu
MPE vai investigar se quantidade de vacinas encaminhadas para Capital foi suficiente. (Foto: Alcides Neto)MPE vai investigar se quantidade de vacinas encaminhadas para Capital foi suficiente. (Foto: Alcides Neto)

O MPE (Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul) instaurou inquérito civil para investigar a insuficiência na quantidade de vacina contra a gripe disponibilizada para a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública). A promotora Filomena Fluminhan afirma que levou em conta o crescente aumento no número de casos da doença. A prefeitura afirma também que recebeu doses com quantidades menores.

A promotora encaminhou um ofício ao secretário estadual de Saúde, Nelson Tavares, com cópia para a Sesau, solicitando com um prazo de cinco dias, informações se as doses estão sendo disponibilizadas aos municípios na exata quantidade solicitada para atender a demanda local, qual a quantidade de doses da vacina já disponibilizadas para Campo Grande e se há previsão de recebimento de nova remessa do Ministério da Saúde.

Além disso, o secretário municipal de Saúde, Ivandro Fonseca, também foi notificado por Filomena, com prazo de três dias, para que ele informe se as doses da vacina estão sendo disponibilizadas estão na exata quantidade solicitada para atender a demanda local, quantas doses já foram disponibilizadas ao município e qual o percentual de cobertura alcançado na vacinação de Campo Grande.

Ao todo, 195 mil doses da vacina foram encaminhadas pelo Ministério da Saúde ao município, mas a administração municipal não sabe onde foram parar cerca de 32,3 mil doses da imunização contra o vírus H1N1. Conforme a secretaria municipal de saúde, aproximadamente 162,6 mil pessoas foram vacinadas e o titular da pasta, Ivandro Fonseca, acredita que alguns frascos tenham vindo com oito doses ao invés de dez, o que deve ser apurado pelo inquérito do Ministério Público Estadual.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions