ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Rajadas de 57 km/h derrubam árvore e fiação elétrica em garagem

Caso aconteceu na Rua Teresina, no Bairro Jardim Imá; não houve registro de feridos

Por Gustavo Bonotto e Osmar Daniel | 03/12/2023 16:41
Portão de residência ficou destruído com queda de árvore. (Foto: Osmar Daniel)
Portão de residência ficou destruído com queda de árvore. (Foto: Osmar Daniel)

O temporal com ventos de 57,4 quilômetros por hora, registrados neste domingo (3), derrubou uma árvore sobre residência situada no Bairro Jardim Imá, em Campo Grande. Por sorte, nenhum morador se encontrava no local durante o incidente.

A reportagem esteve na Rua Teresina, por volta das 16h. A proprietária Juliana dos Anjos de Oliveira, de 37 anos, disse que foi avisada por uma vizinha próxima.

"Não estava em casa, e sim em um churrasco com a família. O alarme disparou e chovia bastante. As câmeras de segurança estavam fora do ar e não consegui observar o que aconteceu pela tela do celular."

Juliana então voltou para casa. A primeira reação da moradora foi ver se seus animais de estimação estavam bem. "Passou uns minutos, meu esposo veio desligar o alarme e encontrou os cabos no chão e a árvore já tinha caído em cima da estrutura metálica que guardava nossos carros. Chovia bastante, fiquei com bastante medo. Mas foram apenas danos materiais. Graças a Deus", acrescentou.

Equipe do Corpo de Bombeiros atendem Juliana durante ocorrência no Jardim Imá. (Foto: Osmar Daniel)
Equipe do Corpo de Bombeiros atendem Juliana durante ocorrência no Jardim Imá. (Foto: Osmar Daniel)

A moradora informou ao Campo Grande News que fez a solicitação de poda, com protocolo emitido em julho deste ano. "Uma equipe veio, fez a vistoria e me entregou um número. Fiquei aguardando até então, e aconteceu o que aconteceu. A atendente disse que só fazem podas programadas, meu vizinho chegou a podar uma árvore e levou multa de R$ 7 mil no passado".

Com os prejuízos, Juliana afirmou que irá recorrer à Justiça pela indenização dos danos. "Faltam políticas públicas para evitar isso, dizem que somos a cidade mais arborizada, mas não fazem a manutenção das plantas. O bairro tem muita árvore assim", finalizou.

O outro lado - A reportagem tentou entrar em contato com a gestão municipal para ouvir o outro lado, no entanto, não houve retorno da Prefeitura de Campo Grande até o prazo estipulado de publicação. O espaço seguirá aberto para declarações futuras.

Já a concessionária Energisa informou, por meio de nota, que equipes estão em atendimento às chamadas, para o restabelecimento elétrico de forma segura, o mais rápido possível.

A empresa alertou que cabos caídos no solo podem estar energizados. A orientação de manter a distância. "Não se aproxime em hipótese alguma e acione a Energisa pelo 0800 722 7272", finalizou o texto.

Confira a galeria de imagens:

  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News

Receba as principais notícias pelo celular. Clique aqui para entrar no canal do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias