A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

13/10/2011 19:01

Referência em ortopedia, Santa Casa passa tarde sem especialistas

Nadyenka Castro e Paula Maciulevicius

São dois médicos ortopedistas por plantão no maior hospital de Mato Grosso do Sul: um está de férias e o outro em licença médica

Leonardo foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros. Com fraturas, foi levado para a Santa Casa. (Foto: Edmir Conceição)Leonardo foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros. Com fraturas, foi levado para a Santa Casa. (Foto: Edmir Conceição)

Referência em ortopedia, o maior hospital de Mato Grosso do Sul, a Santa Casa de Campo Grande, passou a tarde desta quinta-feira sem médicos especialistas em traumas.

De acordo com o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), responsável pela regulação de pacientes em estado de urgência, pessoas que precisaram de atendimento em ortopedia foram encaminhadas para postos de saúde e para o Hospital Universitário, conforme a gravidade do caso.

A reportagem do Campo Grande News apurou que não teve especialista em ortopedia nesta tarde porque um dos dois responsáveis pelo plantão está em férias e o outro em licença médica. Este último sofreu um infarto na semana passada e está internado no Proncor.

Outros médicos foram chamados, mas, conforme apurado pela reportagem, não aceitaram porque todos já têm compromissos profissionais em outros locais e ficariam ainda mais sobrecarregados.

Médico no CEM (Centro de Especialidades Médicas), da Prefeitura, Aldo Damásio, é um dos ortopedistas que foi chamado para atender esta tarde na Santa Casa. “Até me ligaram para atender lá. Mas tinha que atender aqui”, disse.

Apesar de o Samu afirmar que pessoas com suspeitas de trauma, que deveriam ser encaminhadas à Santa Casa, estão sendo levadas para outras unidades de saúde, Leonardo Galdino dos Santos, 49 anos, foi para o hospital.

Leonardo conduzia uma Twister e colidiu com uma Kombi no bairro Arnaldo Estevão de Figueiredo. Como resultado do acidente, teve fratura exposta no pé direito e ferimentos no tornozelo.

Até às 19 horas Leonardo estava no raio-x. Ele será atendido por médico especialista assim que o próximo plantonista assumir o trabalho.



isso é mesmo possivel, meu pai esta la desde ontem 14.10.2011 de passou por um derrame cerebral e ainda hoje o medico nao tinha visto ele, e mais, so pode ser visto por um neuro daqui a doois dias... isso é mesmo uma falta de respeito com as pessoas.
 
cleide azevedo em 15/10/2011 09:01:02
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions