A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

30/06/2016 23:57

Revista na Máxima acha 537 papelotes de cocaína e 76 de maconha

Nyelder Rodrigues

Uma revista realizada por agentes penitenciários em celas do Estabelecimento Penal de Segurança Máxima de Campo Grande encontrou 537 papelotes de cocaína, além de três porções do mesmo entorpecente, mais 76 papelotes e 18 porções de maconha. Dois detentos foram indicados como os donos das drogas.

Segundo o registro policial, a revista ocorreu durante à manhã desta quinta-feira (30) e toda maconha e parte da maconha estavam na cela 26, onde também haviam celulares escondidos. A droga estava em um buraco feito na cama, que é de concreto.

De pronto, o detento Arnaldo Alves Felipe, de 38 anos, assumiu ser dono dos entorpecentes encontrados ali. Já na cela 33, foram encontrados 30 papelotes e 17 porções de maconha que foram arremessados pela janela assim que começou a vistoria.

Segundo a agente penitenciário, não foi possível ver quem arremessou a droga. Um celular foi achado no lixo com fotos de Iuri Gomes Oliveira Ramires, também de 38 anos, segurando um quantidade grande de maconha, vestindo a mesma roupa que estava na revista.

A droga segurada nas fotos era igual a que foi jogada para o lado de fora da cela, porém, Iuri negou ser o dono dela, mas questionado sobre as fotografias, não respondeu aos questionamentos. Ele e Arnaldo foram encaminhados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro para procedimento de praxe e, depois, retornaram para o presídio.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions