A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Janeiro de 2019

25/04/2017 17:22

Rotas alternativas e desvios ajudam a fugir de obra na Mato Grosso

Mudança no cruzamento com a Via Parque compreende na instalação de semáforos e redução das áreas dos canteiros centrais

Yarima Mecchi
Pista da Mato Grosso estava parcialmente interditada. (Foto: André Bittar)Pista da Mato Grosso estava parcialmente interditada. (Foto: André Bittar)

Motoristas começaram a sentir os efeitos na obras nas avenidas Mato Grosso e Neli Martins, conhecida como Via Parque. Para evitar trânsito lento, é possível adotar rotas alternativas ou seguir os desvios disponibilizados pela Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito).

Nesta terça-feira (25) pela manhã, quem seguia pela Avenida Mato Grosso sentido Parque dos Poderes/Centro precisava desviar pela Rua Antônio Teodorovick, no bairro Carandá Bosque. Os condutores que vinha do bairro precisavam de atenção dobrada, pois parte da via estava interditada neste sentido.

O fotógrafo Ramão Carlo disse que, mesmo com o lento fluxo de veículos, não teve problema em passar pela avenida. "Está bem sinalizado. Sem problemas para passar", destacou.

A professora Alessandra Martins reclamou que a sinalização está muito próximo ao local das obras e com isso não tem como desviar nas ruas anteriores. Ela descia pela Mato Grosso e disse que poderia ter entrado na Rua Antônio Maria Coelho, próximo ao Centro de Convenções Albano Franco, mas só ao se aproximar que viu o desvio na entrada do bairro Carandá Bosque.

"Só quando você desce mais que vem a sinalização, quase no local da obra. O trânsito está fluindo bem, está indo rápido", destacou.

Um funcionário que não quis se identificar disse que o trecho da obra no cruzamento da Avenida Mato Grosso com a Rua Antônio Teodorovick deve ser entregue amanhã (26) e se o tempo ajudar na próxima semana deve entregar a pista sentido Parque dos Poderes/Centro.

Avenida Mato Grosso no cruzamento com a Avenida Via Parque. (Foto: André Bittar)Avenida Mato Grosso no cruzamento com a Avenida Via Parque. (Foto: André Bittar)
Cruzamento da Rua Giocondo com a Avenida Via Parque. (Foto: André Bittar)Cruzamento da Rua Giocondo com a Avenida Via Parque. (Foto: André Bittar)

Carros - Dados da Agetran revelam que pela Avenida Mato Grosso passam diariamente cerca de 36 mil veículos, 18 mil em cada sentido da vida, e na Via Parque são 22 mil veículos/dia, 12 mil no sentido Shopping Campo Grande/Parque Soter e 10 mil no sentido Parque Sóter/Centro.

As obras no cruzamento das duas avenida compreendem a instalação de semáforos e redução das áreas dos canteiros centrais.

Além de moderno sistema de semáforo, na rotatória, que tem 30 metros, haverá uma redução de 10 metros, e os canteiros serão reduzidos em dois metros. Com isso, a Via Parque e a Mato Grosso ficarão mais largas e ganharão a terceira pista nos dois sentidos.

Confira as rotas alternativas para evitar as obras:

Rotas divulgadas pela Agetran. (Foto: Divulgação)Rotas divulgadas pela Agetran. (Foto: Divulgação)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions