A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

31/12/2012 08:49

Santa Casa recebe primeiro aparelho de ressonância da rede municipal

Paula Maciulevicius e Viviane Oliveira
Aparelho custou U$1,3 milhão e a expectativa é de que entre em funcionamento nesta primeira semana de janeiro. (Foto: Luciano Muta)Aparelho custou U$1,3 milhão e a expectativa é de que entre em funcionamento nesta primeira semana de janeiro. (Foto: Luciano Muta)

O prefeito Nelson Trad Filho (PMBD) começou o último dia de mandato entregando o primeiro aparelho de ressonância magnética da rede municipal para a Santa Casa.

O aparelho importado da Alemanha custou à Junta Interventora que administra a Santa Casa, U$1,3 milhão e a expectativa da administração do hospital é de que ele entre em funcionamento nesta primeira semana de janeiro.

Em tom de despedida, Trad falou que a compra era uma conquista para a Santa Casa, que até então não tinha a ressonância e tinha de comprar o serviço de outros locais.

“É um avanço para a Santa Casa. É o município e o Estado dando uma resposta ao último dia do nosso Governo”, complementou Nelsinho.

O aparelho precisa ficar em um ambiente próprio que ainda está sendo reformado. A sala que vai abrigar a ressonância é um anexo do hospital ao lado do Pronto Socorro. O espaço é blindado contra frequências elétricas, explicou o diretor de Planejamento da Santa Casa, Salim Cheade.

O diretor da Junta Interventora, Issam Moussa, explicou que apenas a rede particular contava com esse serviço e quando um paciente precisava da ressonância, era o município ou o Estado quem tinham que arcar com as despesas.

“Tinha que disponibilizar ambulância, dependendo do paciente, até médico anestesista. Hoje a Santa Casa vai fazer esse trabalho e prestar serviço tanto para o município, quanto para o Estado”, ressaltou.

Ugo Valério Brachini, analista de suporte que presta serviço para a Santa Casa completou ainda dizendo que a funcionalidade do aparelho é o exame digitalizado.

“Vai direto para uma rede de computadores da Santa Casa e vai ficar disponibilizado. O médico não vai pegar o exame e nem o paciente, mas vai pode acessar de qualquer setor da Santa Casa”, explicou.



com certeza uma grande conquista para os que necessitam e para Campo Grande. Parabéns Nelsinho , eu ainda acredito em você.
 
Lucyneide Santos em 31/12/2012 10:05:28
Quantas vezes pacientes cruzaram a Rua Rui Barbosa para fazer a Ressonância em outro local, pq. a Santa Casa não tinha esse aparelho, pacientes em estado grave. Agora temos um avanço na saúde. Parabéns a prefeitura que doou o aparelho.
 
Adriana Aluchna Melgarejo de Andrade em 31/12/2012 09:36:05
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions