A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

21/08/2015 11:04

Seis pessoas mataram rapaz durante briga por causa de motocicleta

Filipe Prado
As armas utilizadas no crime foram apreendidas (Foto: Fernando Antunes)As armas utilizadas no crime foram apreendidas (Foto: Fernando Antunes)

Seis pessoas são acusadas de matar o mecânico Elton Troche de Mendonça, 24 anos, encontrado morto na última terça-feira (18) no Jardim Itamaracá. Os suspeitos afirmaram que o motivo da morte foi a retomada de uma motocicleta vendida para vítima, que estava sendo usada para cometer assaltos.

Conforme a delegada Célia Maria Bezerra, da 4ª Delegacia de Polícia, em investigações pelo bairro, moradores apontaram que Elton havia ameaçado várias pessoas de morte, sendo uma delas Fabiano Santana de Souza, 22 anos, conhecido como “Farinha”.

Em depoimento, o suspeito contou que vendeu uma motocicleta para Elton, por R$ 1 mil, sendo que a vítima trocou a moto por uma arma, propriedade de um rapaz identificado como “Zóio”. Este homem, por sua vez, começou a realizar assaltos pela região.

Como Zóio não quis transferir os documentos da moto para o seu nome, Fabiano retomou o veículo, o que deixou Elton irado. A vítima começou a ameaçar o suspeito, então na noite do crime, foi até a residência de Farinha e realizou vários disparos contra ele e os amigos, sendo Renan da Silva Ferreira, 20, Vitor Henrique Fontana, 18, Danilo Ocampos Garcia, 18, e dois adolescentes de 17 anos.

Os disparos não atingiram o grupo, que no mesmo momento decidiu se vingar de Elton. Conforme o plano, Renan os levaria até a mecânica e Fabiano avisaria o momento certo para que eles entrassem no local, pois ele mora e trabalha ao lado da empresa da vítima.

A delegada apontou que os suspeitos foram liberados, pois não houve flagrante e mandado de prisão preventiva (Foto: Fernando Antunes)A delegada apontou que os suspeitos foram liberados, pois não houve flagrante e mandado de prisão preventiva (Foto: Fernando Antunes)

Farinha deu o sinal, então o grupo entrou na mecânica, sendo surpreendido pelo Pitbull da vítima, que os atacou, então Fabiano realizou dois disparos contra o cachorro, que se assustou e saiu correndo. Elton saiu para saber o que havia acontecido e se deparou com o grupo.

Ao ver a vítima, Fabiano realizou o primeiro disparo, atingindo o braço do rapaz, então ele pediu para conversar com o suspeito, porém saiu correndo. Por conta disso um dos adolescentes e Vitor efetuaram tiros, acertando as costas de Elton. Mesmo caído ao solo, Danilo disparou contra cabeça do homem.

Eles afirmaram que agiram por legítima defesa, decorrentes das ameaças sofridas por Elton.

Os autores foram identificados e encaminhados para a 4ª DP para prestar depoimento, porém foram liberados, até que o pedido de prisão preventiva seja expedido, pois não houve flagrante. Eles são acusados de homicídio doloso qualificado por motivo fútil com recurso que dificultou a defesa da vítima, com pena que varia de 12 a 30 anos de prisão.

Os menos foram ouvidos e encaminhados para a DEAIJ (Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude) para as medidas cabíveis. As armas, duas calibre 32 e uma 38, foram apreendidas.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions