ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, SEXTA  24    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Suspeito alega que levou estudante a terreno para usar drogas

Em depoimento, acusado pontuou que estrangulou Danilo Cezar Santos após desentendimento

Ana Beatriz Rodrigues | 08/03/2023 20:41
Corpo de Danilo foi encontrado nesta quarta-feira (8). (Foto: Reprodução/Redes Sociais)
Corpo de Danilo foi encontrado nesta quarta-feira (8). (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Homem acusado de assassinar Danilo Cezar de Jesus Santos, de 29 anos, disse em seu depoimento que ele e o estudante foram a um terreno baldio para usar drogas. O relato foi divulgado pela DEH (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Homicídio), na tarde desta quarta-feira (8).

De acordo com o delegado José Roberto de Oliveira Jr., o indivíduo afirmou que não premeditou o crime: "Ele assume a conduta, mas diz que não previu o resultado".

O suspeito complementou a fala dizendo que os dois estavam em busca de drogas na região central, mas o delegado acentuou que havia pontos de venda nas proximidades, sem a necessidade de ir até o local onde o corpo do jovem foi encontrado.

"A gente acredita que essa versão dele não condiz por diversas falhas. Vimos imagens de segurança de uma residência e pudemos confirmar que ambos entraram no terreno baldio, mas apenas o autor do crime saiu do local. Temos que ouvir mais testemunhas que viram Danilo e nos conte como foi o seu último passo", destacou Oliveira Jr.

O delegado adjunto da DEH, José Roberto de Oliveira Jr, que investiga o caso. (Foto: Paulo Francis)
O delegado adjunto da DEH, José Roberto de Oliveira Jr, que investiga o caso. (Foto: Paulo Francis)

A equipe policial chegou até o suspeito através de amigos da vítima, que realizaram buscas pelo estudante de mestrado. Com as características encontradas nas imagens de segurança, os jovens repassaram as informações para a investigação. "A polícia começou a fazer o trabalho de filtrar as pessoas que poderiam ser suspeitas com base nas imagens, e ao abordar um dos suspeitos durante a manhã, nas proximidades da Perpétuo Socorro, ele nos deu provas de que esteve no local".

O homem tem condenações em aberto no estado do Maranhão, além de passagens nos registros policiais pelos crimes de furto e roubo. Durante a averiguação, ele foi autuado em flagrante pelo crime de ocultação de cadáver.

Relembre o caso - Danilo estava em uma festa com amigos por volta das 19h, no sábado (4). O rapaz teria ido até a casa noturna com outro grupo às 22h, saiu pela manhã e desde então não foi visto.

Na tarde de terça-feira (7), amigos montaram uma força-tarefa para encontrar o estudante. Eles saíram em frente à boate que o jovem esteve na noite que antecedeu o desaparecimento, localizada nas proximidades da Esplanada Ferroviária.

Segundo imagens de segurança, Danilo foi visto pela última vez após sair da casa noturna, por volta das 8h50, descendo a Rua Antônio Norberto de Almeida.


Nos siga no Google Notícias