A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

03/05/2016 07:14

Transferida em estado grave, mulher aguarda vaga dentro de ambulância

Marido da paciente procurou a polícia, durante a madrugada, por não conseguir atendimento para ela em Campo Grande

Viviane Oliveira

O marido da paciente Jéssica Janaína Souza, 24 anos, procurou a polícia por volta das 5h51 de hoje (2), após a esposa ser transferida em estado grave do hospital de São Gabriel do Oeste para Campo Grande e não conseguir atendimento por falta de vaga. A mulher sofre de uma complicação de diabetes e aguarda atendimento especializado dentro de uma ambulância.

Conforme boletim de ocorrência, Max Ricardo do Nascimento, 29 anos, marido da vítima, relatou que Jéssica estava internada no Hospital Municipal de São Gabriel do Oeste, devido uma complicação de diabetes.

Por causa da gravidade, foi autorizado pela Central de Regulação Estadual, que a paciente fosse encaminhada à Capital para receber atendimento em qualquer hospital público. Porém, ao chegar na cidade, por volta das 2h40, o esposo de Jéssica, foi informado de que não havia vaga disponível em nenhuma unidade pública.

A mulher, que está em estado grave, espera dentro da ambulância no pátio do Hospital Regional uma vaga. Ao marido da vítima, uma médica informou que a paciente terá que aguardar a liberação para receber atendimento necessário na unidade.

De acordo com a Polícia Civil, vários pacientes do interior estão no pátio da unidade aguardando vagas dentro de ambulâncias. O caso foi registrado como omissão de socorro na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga.

Idoso que aguardou vaga por 8 horas morre ao ser internado em hospital
O idoso Sebastião Nogueira da Silva, 62 anos, que aguardou durante oito horas por uma vaga no HU (Hospital Universitário) de Campo Grande, morreu na ...
Apae recebe doação de brinquedos da campanha Compartilhe o Natal
Foi iniciado nesta segunda-feira (11) a entrega de brinquedos arrecadados na campanha "Compartilhe o Natal", realizado pelo Ministério Público Estadu...
Ação oferece serviço especial na UBSF do Tarumã nesta terça-feira
A UBSF (Unidade Básica de Saúde da Família) do Tarumã promove nesta terça-feira (12) diversas atividades voltadas para a promoção de saúde da populaç...


De quem é a responsabilidade, do regulador que liberou sem ter vaga, do médico que não atendeu por falta de recursos ou do governo que não dá subsidio para o atendimento? Nos hospitais faltam até luvas para fazer o atendimento dos pacientes e em matéria deste mesmo veiculo de informação consta noticia indicando que em 2014 o gastos com saúde eram de R$0,80 por habitante, e com esse valor fica difícil mesmo comprar luvas, imagine pagar exames e mão de obra...
 
Eric Dutra em 03/05/2016 10:38:59
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions