A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

30/01/2012 11:16

Três anos depois, Clayton deixa a violência no passado e retoma estudos

Paula Maciulevicius

Jovem foi espancado por dois rapazes que tinham inveja dele e superou o coma, o estado vegetativo e vive um recomeço

Sorriso, disposição e força para lutar. Hoje Clayton e a família dão o primeiro passo para um novo capítulo, a volta aos estudos. (Foto: Marlon Ganassin)Sorriso, disposição e força para lutar. Hoje Clayton e a família dão o primeiro passo para um novo capítulo, a volta aos estudos. (Foto: Marlon Ganassin)

Quem vê o sorriso dele, o esforço com as palavras e a satisfação em ouvir a própria voz pode não relacionar o jovem de brilho nos olhos com Clayton Jonas Torres Freitas, 21 anos, vítima de um crime violento motivado pela inveja.

Há três anos e de uma forma brutal, lhe tiraram os planos, mas não os sonhos.

Esteve em coma, passou por estado vegetativo e hoje, de sorriso aberto, volta aos estudos.

Ainda na cadeira de rodas, Clayton dá os primeiros passos para se reerguer. O rapaz, que já chegou a cursar a universidade, tem nesta segunda-feira o desafio de pela segunda vez, ter o primeiro dia de aula no ensino médio. Voltar à sala de aula não significa regresso, é um recomeço na vida dele e da família.

Escola nova, colegas, professores e muitos desafios pela frente. Um deles, o de relembrar o que já aprendeu. Refazer o ensino médio foi a opção de Clayton diante das consequências que a violência provocou.

"Eu preciso retomar a mente, recuperar a memória, o meu aprendizado. Depois eu penso em faculdade. Eu não lembro de nada, mas vou tornar a lembrar".

A retomada dos estudos começa pelo ensino médio. A lesão cerebral tirou do jovem a memória dos livros. Com acompanhamento médico e psicológico ele volta para a sala de aula. O ano ainda será avaliado, de acordo com as lembranças da vida estudantil.

A figura de bom moço e o fato de ter perspectivas pela frente fez dele uma vítima, sem culpa nenhuma. Em 2009, Clayton foi espancado por dois vizinhos. (Foto: Marlon Ganassin)A figura de bom moço e o fato de ter perspectivas pela frente fez dele uma vítima, sem culpa nenhuma. Em 2009, Clayton foi espancado por dois vizinhos. (Foto: Marlon Ganassin)

Desde fevereiro de 2009 Clayton sofre as consequências da crueldade. À época, ele começava a cursar Ciências Contabéis e estagiava em um banco. A figura de bom moço e o fato de ter perspectivas pela frente fez dele uma vítima, sem culpa nenhuma. No dia 13 daquele mês ele foi espancado por dois vizinhos, Diego Bispo da Silva e Cássio Henrique da Silva Rodrigues.

O crime teria um desfecho ainda pior, mas a arma utilizada pela dupla falhou. Disparo não houve, mas foi através do revólver que Clayton levou várias coronhadas na cabeça. A Polícia concluiu, a inveja que os dois sentiam do jovem resultou em tamanha violência.

O passado está ficando para trás, ainda que aos poucos. Clayton recebeu o Campo Grande News sorridente e tagarelo. As palavras saem devagar mas com gosto. A sensação de ouví-lo é indescritível, um misto de esperança e força transmitido pelo tom baixinho da voz. "Eu falo assim para vocês entenderem melhor", explica.

A fala e a independência surgiram há seis meses em uma situação dramática, quando o rapaz caiu em si. "Foi quando ele relembrou, quis falar e a voz saiu limpa. Ele perguntou porque eu estou assim? Porque você não me deixou morrer? Foi horrível e ele não aceitava", relata a mãe, Helena Brites Torres, 48 anos.

Ao lado de Clayton, a mãe sempre está presente. Dona Helena tem 48 anos, os três últimos dedicados à recuperação do filho. Mulher de fé e mãe determinada, foi pelos braços dela que o menino chegou onde está. As mãos que empurram a cadeira para a fisioterapia semanal é a mesma que apoia para que ele consiga sair e se locomover. "Ele melhorou muito e em muitas coisas. Ele se vira. Cada ano tem novidade e eles tá melhorando, mas pensei que neste ele já estaria andando", desabafa.

O que dá o movimento das pernas de Clayton, a cadeira de rodas, está quebrada. A espera por uma nova através da Casa de Saúde já chega a oito meses. Por ser de estrutura fixa, uma das barras de encosto para as costas partiu ao meio e vem sobrevivendo a várias remendadas. O custo para uma nova é em média R$1,2 mil.

Com punho firme Clayton reescreve o nome e o capítulo de uma nova história. (Foto: Marlon Ganassin)Com punho firme Clayton reescreve o nome e o capítulo de uma nova história. (Foto: Marlon Ganassin)

O rapaz tem agenda cheia. Fisioterapia três vezes por semana, fonoaudióloga e ainda os exercícios em casa, em aparelhos de musculação comprados pela família.

"Eu faço tudo, só na balada que ainda não fui", brinca o jovem.

Apesar da situação Clayton fala de planos, de tudo que pretende reconstruir e sem mágoas de quem lhe roubou do presente. "Raiva eu não sinto. Eles estão pagando pelos erros deles e eu estou tentando retomar a minha vida. Deixei eles para lá, eu só penso em voltar a andar, a estudar e quem sabe fazer de novo uma faculdade". Para isso, os primeiros passos já foram dados nesta segunda-feira.

Com atenção e calma ele escreve no caderno o nome completo. Com a dificuldade esperada pela proporção da lesão ele pede para apoiar a folha. Depois de pronto, a equipe lê em voz alta o que foi escrito com tanto esforço. "Clayton Jonas Torres Freitas" e ele responde "o próprio".

Outro jovem que tentou matar por inveja pega 9 anos
Foi julgado e condenado hoje o segundo envolvido na agressão que deixou em estado vegetativo o jovem Clayton Jonas Torres de Freitas, em fevereiro do...
Condenado a 9 anos jovem que tentou matar por inveja
A Justiça de Mato Grosso do Sul condenou à pena de nove anos e quatro meses de reclusão Diego Bispo da Silva, de 19 anos, que em fevereiro do ano pas...
Acusados de tentar matar por inveja vão a júri hoje e 2ª
O júri dos acusados de tentar matar o jovem Clayton Jonas Torres de Freitas por inveja foi separado em dois dias. Nesta quinta-feira, está sendo julg...
Inveja interrompe sonhos de estudante e muda vidas
Morando no Jardim Canguru, um dos bairros mais pobres de Campo Grande, o jovem Clayton Jonas Torres Freitas, 18 anos, tinha um futuro promissor. Calo...


Cleiton Deus tem um plano muito grande para sua vida você é um milagre de Deus
agradeça muito a ele ,que Deus te abençoe continue dando força para vc e sua maê!
 
Neide Gonçalves em 01/02/2012 02:05:15
É com grande emoção e os olhos cheios de lágrimas que eu leio a reportagem do Clayton, eu sou mãe e acabei de formar um filho na faculdade, me lembro perfeitamente da sua história há tres anos e me comoveu muito, rezei por ele na ocasião e continuo rezando, estou muito feliz pela sua recuperação e tenho certeza que a sua mãe assim como eu, ainda vai viver a alegria e a emoção da sua formatura
 
Celia Cordeiro em 30/01/2012 12:56:27
vc tem algo que eles nao tem,Deus esse te ama assim como sua mae, vc é tudo para Jesus ele te ama muito pode cre morreu por vc, por mim por nos,e nele que vc deve se espelhar bj mande seu endereço pra mim te fazer uma visita
 
cristina nunes em 30/01/2012 12:55:04
acompanhei a historia desse moço parabens pela superação pela vontade
você com certeza tera tudo de melhor na sua vida
 
soraia lombardi em 30/01/2012 12:41:57
Que Deus possa abençoar cada vez mais a você e sua família, Deus tem um plano pra sua vida, que você tenha muito sucesso e alcance seus objetivos, torço pra você se recuperar e fazer tudo como antes, e quem sabe um dia eu faço uma visita a você e sua família já que eu moro perto dai.Abraços fica com Deus
 
Paulo Cezar de Oliveira Cardozo em 30/01/2012 12:17:47
Deus abençoe muito você nesta nova etapa da sua vida, um grande abraço a sua mãe está mulher guerreira. Deus continue nesta família tudo de bom a todos..
 
Fernanda Seles em 30/01/2012 12:12:40
Onde estão os autores de tanta violência????????
 
Jose carlos em 30/01/2012 11:56:36
PARABÉNS MOÇO, A GENTE SEMPRE PODE DAR A VOLTA POR CIMA E CONFIE DEUS TE GUARDA E NÃO DESAMPARA!!!!!!!!!!!!
 
GLAUCIA PEREIRA em 30/01/2012 11:54:54
Está aí um exemplo de determinação! Com a ajuda de Deus e muita força de vontade esse rapaz serve de exemplo pra todos nós que vivemos reclamando de coisas pequenas. O que são nossos problemas diante dele?! Espero que ele tenha muito mais sorte e consiga realizar seus sonhos...
 
Elaine Oliveira em 30/01/2012 11:52:22
Vá em frente garoto...fiquei muito emocionada ao ler a reportagem. Tenho visto tanta gente desanimada e você é um exemplo de força e coragem. Parabéns!!!!!!!!!!!!
 
Rose Souza em 30/01/2012 06:08:41
que deus te ilumine goroto os anjo do senhor esteja com vc.
 
ivanildo leite cavalcante em 30/01/2012 06:02:39
QUE VC CONTINUE TENDO ESPERANÇA E SONHOS! DEUS TE ABENÇOE!
 
FATIMA PRIETO BARBOSA em 30/01/2012 05:25:54
O brilho dos olhos do garoto flui esperança. Muita força pra vc.
Concordo com o sergio, juntamos 12 pessoas, cada um ajuda com R$ 100,00, e compramos a cadeira.
Qualquer coisa me chama no comentário.
 
Marco aurélio em 30/01/2012 05:09:02
força garoto! a sociadade campograndense torce por você.bola pra frente!sucesso !!!!!!!!!!!!!!!!!
 
LUCILENE FEREIRA GONÇALVES em 30/01/2012 04:57:26
..foi espancado, ficou em coma...e esta ha OITO MESES aguardando a doação de uma cadeia de rodas, que vida injusta....meu email é sergiofac@hotmail.com, caso queiram os leitores, façamos uma vaquinha para ajudarmos...
 
sergio correa em 30/01/2012 03:50:51
Show garoto! Vamos lá, você é mais forte que aqueles vandalos e invejosos.
Mais uma vitória em sua vida e Deus tem muito mais pra você Clayton.
O meu mais sincero parabéns a MÃE do Clayton, ,muitas mulheres poderiam se espelhar nesta MÃE com M maiusculo, GUEREIRA e todas as qualidades de uma SUPER MÃE.
Esta matéria me deu um animo enorme e ver o quanto somos fracos, este Clayton tem a força.
 
Francisco Araujo em 30/01/2012 03:35:55
quero lhe cumprimentar com toda satisfação por voce mostrar toda essa determinação e humildade de se reerguer e ainda saber perdoar o que nos dias de hoje é algo raro de se ver sinto não ter a condição de poder lhe dar uma cadeira de rodas mas tenho certeza que não vai tardar e uma pessoa vai te presentear. na matéria diz que voce está tentando retomar a sua mas saiba que sua vida nunca foi tomada
 
emerson simões albres em 30/01/2012 03:16:27
É isto ai garoto bola prá frente, pois que vive do passado não vai a lugar nenhum.
Que Deus te ilumine e faça de seu futuro aquilo que voce merece.
Parabens pelo seus esforços.

Vanderley
 
Vanderley Batista Gomes em 30/01/2012 03:01:08
Parabéns pela matéria! Excelente! Já compartilhei, pois cada vez que vejo uma jornalista como a Paula, que escreve histórias muito bem escritas e tem uma sensibilidade ímpar, eu sinto que o mundo não está perdido...

E muita, mas muita força para esse moço! Que exemplo de vida!
 
Liziane Berrocal em 30/01/2012 02:57:10
Gente!!! R$1,2 mil é uma quantia sem expressão para qualquer empresário ou político da nossa cidade, onde com certeza ajudará na reconstrução do sonho desse jovem lutador e vitorioso.

 
Luciano Silgueiro em 30/01/2012 02:21:42
Realmente uma superação... Estou torcendo para que ele se recupere o mais rapido possivel.... Sucesso Clayton.
 
Luzia Cáceres. em 30/01/2012 02:19:09
Que emocionante ler esta reportagem, DEUS vai dar forças para ele e sua mãe que é uma guerreira. PARABÉNS....
 
Rafaela Pinheiro em 30/01/2012 02:18:26
conheci a historia deste herói através de um cunhado meu q é jornalista, é muito bom ve-lo retomar a vida...boa sorte....
 
noemia gomes em 30/01/2012 02:03:49
Sem palavras!
 
JANE OLIVEIRA em 30/01/2012 02:02:20
Parabéns, Clayton...
Você já é um vencedor, parabéns também ao cg.news pela bela reportagem.

Pena que materias boas e de bons exemplos como está ninguêm comenta, mas aquelas sobre violência em geral tá cheio de comentários!!!!!
 
João Carlos em 30/01/2012 02:01:45
Ola amigos leitores do Campo Grande News, q tal fazermos uma vaquinha para compra de 01 cadeira nova para este gde rapaz q é o Clayton, se vc quiser colaborar entre em contato comigo pelo telef. 9981-2458 vamos arrecadar e ai iremos juntos fazer esta pequena doação para esta MARAVILHOSA FAMILIA. O Valor aproximado é de R$ 1.200,00 ( segundo a materia acima). Estou esperando vcs me ligarem. Bjos
 
Magali Santana em 30/01/2012 01:55:06
Meus Parabéns a você e sua mãe, isso demonstra aspectos importante na vida do ser humano, aprender e reaprender , assim vejo brilho em seu olhar e demonstrando caráter verdadeiro.Sorria mesmo Claytom, pois é através do sorriso que vencemos barreiras.
 
Célia Campos em 30/01/2012 01:53:19
Clayton, vc é a prova de q qdo queremos nós conseguimos. Pelo estado q vc ficou q eu acompanhei pelos meios de comunicação achei q vc não sairia do estado vegetativo. Mas graças a sua força de viver, a dedicação e o amor da sua mãe, ( sem comentários desta guerreira) e principalmente a vontade de DEUS, vc hj recomeça um novo capítulo em sua vida. Dsj toda a recuperação possivel p/ vc. Bjos
 
Magali Santana em 30/01/2012 01:50:52
Parabéns, Clayton, fico muito feliz de ver sua recuperação. Você estava na mesma turma de Contábeis do meu filho e eles se formam este ano. A gente não recupera o tempo pedido, mas aprende a viver um novo tempo. Que você continue tendo muita garra e força de vontade para superar todos os desafios.
 
Elinete Ricartes em 30/01/2012 01:48:37
Eu sempre confiei na força desse moço, quisera ter eu estabilidade financeira para ajudar, mas torço e envio energias positivas para vc, bjos no seu coração e continue no seu foco parabéns!
 
sandra lima em 30/01/2012 01:24:20
Que exemplo de mãe, de filho, isso sim são heróis!!!Herois da vida, da dor, gostaria muito de ter o prazer de conhece-lo. Você sim para mim e minha familia é uma celebridade.Porque voce tem algo celebre para se orgulhar.Não desisti nunca porque voce já é um vencedor mais vai vencer muito mais!!!!Deus seja contigo sempre.
 
Isabl Cristina de Paula Rosa em 30/01/2012 01:14:59
Fico feliz por sua melhora.....DEUS TE ABENÇOE !!!!
 
wanderson dias em 30/01/2012 01:11:29
Puxa vida hein!!! estudamos juntos na 8ª série, no mesmo ano em que ele iria pra faculdade prestei vestibular, iriramos estudar na mesma classe.... Sempre brincalhão.. custei a acreditar no que havia acontecido com ele.Se for possivel preciso dos contatos.. telefone ou endereço, quero muito visitá-lo.. é um grande amigo... Parabéns ao Clayton, sempre admirei sua determinação.
 
Jéssica Lima em 30/01/2012 01:05:57
É com muita emoção e satisfação que vejo seu avanço,a sua luta pela vida Clayton, fui seu professor de informática, na Seleta Sociedade Caritativa e Humanitária, lembra? E agora gostaria muito de ser novamente, é uma honra, torço muito para que você volte novamente a Faculdade, quero ver o seu sucesso a sua ascensão pessoal e profissional, cara você é uma lição de vida, parabéns. Um grande abraço
 
Marcos Antonio da Silva em 30/01/2012 01:01:59
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions