A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

26/04/2018 15:13

Vídeo mostra momento exato que rapaz foi atropelado e morto

Motorista fugiu do local e depois foi preso em casa aparentando estar embriagado

Guilherme Henri e Geisy Garnes
Acidente aconteceu em intervalo de quatro segundos, quando vítima e amigo atravessam na faixa de pedestre (Foto: Reprodução)Acidente aconteceu em intervalo de quatro segundos, quando vítima e amigo atravessam na faixa de pedestre (Foto: Reprodução)

Imagens de câmera de segurança mostram o momento exato que Moisés Luis da Silva Oliveira, 22 anos, foi atropelado e morto, na noite de ontem (25), na rua Ceará, no bairro Santa Fé, em Campo Grande.

O Campo Grande News teve acesso ao vídeo feito por equipamentos instalados em uma conveniência. Moisés estava ao lado de um amigo. Nas imagens, é possível ver que os dois aguardavam na calçada o movimento de carros da rua Ceará para atravessar a via.

Eles cruzaram a rua pela faixa de pedestres para chegar até a conveniência. Porém, quando chegam ao meio da rua, os dois correram. Na sequência, é possível ver o carro em alta velocidade na via.

O atropelamento do rapaz aconteceu em um intervalo de quatro segundos, antes do relógio da câmera marcar 23h52. No vídeo, ainda é possível ver que o amigo de Moisés escapou por pouco de também ser atropelado.

Investigações – O caso chegou nesta tarda na 1ª DP (Delegacia de Polícia) e será comandado pelo delegado Mario Donizete. Ele explicou que os amigos da vítima e pessoas que estavam na conveniência serão ouvidas nos próximos dias.

Placa do veículo que atropelou e matou Moises (Foto: Geisy Garnes)Placa do veículo que atropelou e matou Moises (Foto: Geisy Garnes)

Placa – O veículo, um VW Up de cor branca, era conduzido por Alderson Fante da Silva, 33 anos. Depois do acidente, o motorista fugiu sem prestar socorro. Porém, por causa da batida, a placa do carro ficou no local. A polícia, então, conseguiu chegar ao rapaz, que foi preso em sua casa no Carandá Bosque.

Ele não quis se submeter ao teste do bafômetro, mas foi indiciado porque apresentava sinais de embriaguez. Em depoimento, Alderson alegou que estava dentro do limite de velocidade da via e que não havia bebido.

“Os laudos periciais serão fundamentais para a investigação, pois indicarão qual era a velocidade do rapaz no momento do acidente e se o semáforo estava ou não aberto”, adianta o delegado.

O motorista permanece preso e deve passar por audiência de custódia nesta sexta-feira (26). Ele vai responder por homicídio culposo qualificado pela embriaguez e pela omissão de socorro.

Esta foi a primeira morte no trânsito causada por motorista bêbado em Campo Grande depois da mudança na legislação, em vigor desde quinta-feira (19), que passou a ter punições mais rígidas para quem ferir ou matar depois de dirigir sob efeito de álcool.

Veja o vídeo do atropelamento:



Vídeo mostra momento exato que rapaz foi atropelado e morto
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions