A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

16/10/2010 06:22

Caso de mordida repercute e juiz de SP condena promotora

Redação

A briga entre duas crianças em um condomínio de Campo Grande, que resultou na notificação de uma delas para dar explicações ao MPE (Ministério Público Estadual), repercutiu nacionalmente. Um juiz de São Paulo condenou a atitude da promotora da Infância e da Juventude, Vera Aparecida Cardoso Bogalho Frost Vieira, que notificou a criança a comparecer para depor.

"Chamar os pais para conversar, em uma circunstância excepcional, já seria muito", afirma o desembargador Antônio Carlos Malheiros, coordenador de Infância e Juventude do Tribunal de Justiça de São Paulo.

A promotora Vera Bogalho, que intimou o garoto, tem outra opinião.

"A intimação é de um procedimento de praxe. Há nove anos atuo na Promotoria nunca tivemos problemas.

Mega-Sena acumula e prêmio no sábado pode chegar a R$ 39 milhões
A Mega-Sena mais uma vez ficou sem vencer na noite desta quarta-feira (13) e, assim, acumulou. O prêmio pode subir para R$ 39 milhões no sorteio do p...
Chuva intensa de meteoros terá pico na madrugada de quinta-feira
A chuva de meteoros Geminídeos – uma das mais intensas e brilhantes do ano – vai ocorrer durante a noite de hoje (13) e a madrugada de amanhã (14) e ...
STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions