A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 24 de Outubro de 2017

06/07/2009 17:57

Caso do leão maltratado faz Duarte cobrar lei do circo

Redação

O caso do leão apreendido em São Gabriel do Oeste no último sábado, por sofrer maus tratos, fez com que o deputado Paulo Duarte (PT) viesse a cobrar a aplicação da lei estadual 3.642, de 6 de fevereiro deste ano, que proíbe apresentações de animais em circo. Conforme o petista, a lei não está sendo cumprida no Estado.

Por conta do caso, Duarte vai encaminhar, nesta semana, uma indicação ao MPE (Ministério Público Estadual) solicitando que o órgão passe a cobrar das prefeituras o cumprimento da lei. Conforme o parlamentar, "o objetivo é impedir que ocorra exemplos como este de São Gabriel".

O proprietário do circo Barnus, Valmire Alves Teixeira, 59 anos, recebeu multa de R$ 2,5 mil do Ibama (Instituto Brasileiro Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis). Ele também responderá por crime de infiel depositário deste e de mais outro leão, que teria sido abandonado pelo Brasil durante uma viagem do circo.

Há poucos dias, numa apresentação em Rio Verde, o circo havia sido multado pela PMA (Polícia Militar Ambiental) em cerca de R$ 3 mil, por falta de documentação. O animal de dois metros e meio foi encaminhado ao Cras (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres), em Campo Grande, e foi colocado em uma jaula quatro vezes maior que a do circo em que era maltratado.

Lei

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions