A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

10/07/2012 18:59

Presos em operação contra roubos de carro são transferidos para a Defurv

Nyelder Rodrigues e Francisco Junior

Eles foram levados para a delegacia, onde ficam até a madrugada, quando uma equipe de policiais de Goiás chega à Capital para buscá-los

Oito suspeitos detidos nas operações Guilhotina e Cadeia do Crime vão aguarda até a madrugada a chegada de uma equipe de policiais de Goiás (Foto: Pedro Peralta)Oito suspeitos detidos nas operações Guilhotina e Cadeia do Crime vão aguarda até a madrugada a chegada de uma equipe de policiais de Goiás (Foto: Pedro Peralta)

Os oito suspeitos presos nesta terça-feira (10) em Dourados, Coronel Sapucaia e Bela Vista, durante as operações Cadeia do Crime e Guilhotina, chegaram no começa da noite em Campo Grande, e estão detidos agora na Defurv (Delegacia Especializada em Furtos e Roubos de Veículos).

Ambas as operações foram deflagradas na manhã de hoje pela Polícia Civil e o Ministério Público de Goiás, e envolvem as polícias de Mato Grosso do Sul, Goiás, Mato Grosso, São Paulo e Maranhão. Ao todo, 86 mandados de prisão já foram cumpridos nesses estados.

No Mato Grosso do Sul, equipes da Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira), Garras (Grupo Armado de Repressão a Assaltos, Roubos e Sequestros) e DOF (Departamento de Operações de Fronteira) colaboram com as operações contra um esquema de roubo de veículos, que são levados para o Paraguai, onde são trocados por entorpecentes que retornam ao Brasil para serem comercializados.

As prisões são preventivas, válidas por 30 dias, e foram expedidas pela 11ª Vara de Goiânia (GO). Os detidos são Rodrigo Ferreira Boreda, Salvador Espindola Antunes, Renato de Freitas Rosa, Mario dos Santos Duarte, Cassio Vieira Santos, Priscila Vieira da Silva, Eliana Peixoto Ferreira e Dione Ortilhado Delmondes.

De acordo com o delegado do Garras, Alberto Rossi, uma equipe de policiais de Goiás chegam na madrugada desta quarta-feira (11) para buscar os presos. Além das prisões, foram apreendidos três veículos com placas de Goiás e Brasília. Um dos presos estava com aproximadamente R$ 5 mil em dinheiro.

Segundo a Polícia, tanto os veículos quanto o dinheiro estavam sendo negociados por maconha em Coronel Sapucaia, e um dos suspeitos estava com uma CNH (Carteira Nacional de Habilitação) falsificada e foi autuado em flagrante na Defron por uso de documento falso.

Chuva intensa de meteoros terá pico na madrugada de quinta-feira
A chuva de meteoros Geminídeos – uma das mais intensas e brilhantes do ano – vai ocorrer durante a noite de hoje (13) e a madrugada de amanhã (14) e ...
STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
UFGD oferece vagas em 36 cursos de graduação pelo Sisu
A UFGD (Universidade da Grande Dourados) está ofertando 944 vagas em 36 cursos de graduação para o Sisu (Sistema de Seleção Unificada). As inscrições...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions