A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

06/06/2016 13:02

Cobertura vacinal contra gripe no Estado foi inferior à média nacional

Fernanda Mathias
No Estado, cobertura vacinal foi de 88,4% do público esperado (Foto: Alcides Neto)No Estado, cobertura vacinal foi de 88,4% do público esperado (Foto: Alcides Neto)

O Ministério da Saúde divulgou nesta segunda-feira (06) atualização, de 27 de maio, sobre a cobertura vacinal dos chamados grupos prioritários em todos os Estados. O resultado de Mato Grosso do Sul ficou abaixo da média nacional.

No Estado, 88,4% da meta foram imunizados, ao passo em que a média nacional foi de 91%. A tabela informa que a intenção era atingir 582.399 pessoas do grupo prioritário, mas 514.787 foram imunizados.

O público-alvo é formado por crianças de seis meses a menores de cinco anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias), pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis.

As pessoas deste último grupo são mais vulneráveis a desenvolver a forma grave da doença. As crianças que tomaram a vacina pela primeira vez neste ano devem retornar aos postos de saúde para aplicação da 2ª dose até o dia 20 de junho.

Até agora, conforme o último relatório, divulgado quarta-feira (01) pela SES (Secretaria de Estado de Saúde), 32 pessoas morreram por conta da doença em Mato Grosso do Sul, tornando 2016 como o ano com maior número de óbitos confirmados desde 2009, quando o vírus da gripe foi detectado pela primeira vez em uma epidemia no México.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions