A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

24/12/2013 11:47

Colisão frontal é a principal causa de acidentes nas rodovias federais

Luciana Brazil e Viviane Oliveira
Bebê de seis meses e homem de 47 anos morrerem carbonizados na BR-267. (Foto:Dourados Agora)Bebê de seis meses e homem de 47 anos morrerem carbonizados na BR-267. (Foto:Dourados Agora)

Muitos dos acidentes registrados nos últimos dias nas rodovias federais do Estado foram colisões frontais entre veículos, segundo o inspetor da PRF (Polícia Rodoviária Federal), Airton Motti Junior. Ele ressaltou que este tipo de ocorrência têm sido recorrente e é resultado da imprudência dos motoristas.

“Estão acontecendo muito acidentes e a maioria é colisão frontal. Isso significa que o condutor tentou fazer uma ultrapassagem, talvez não de forma segura ou ainda em locais não permitidos. E o excesso de velocidade também ajuda a aumentar o número de tragédias”.

Ele explicou ainda, na manhã de hoje (24), que apesar do aumento das ocorrências, inclusive com vitimas fatais, a frota de veículos também cresceu. Segundo ele, os acidentes cresceram 6% e a frota de veículos 9%.

“Analisando desta forma, os acidentes cresceram apenas 3%. O aumento preocupa, mas por outro lado é uma questão de comportamento do motorista. Não temos condições de ter um policial em cada trecho onde é grande número de acidentes. Depende também do bom senso, não depende do poder público, mas do bom senso e da responsabilidade do condutor”, ressaltou.

O inspetor lembra que em alguns trechos os motoristas são alertados pelos policiais e “lá na frente cometem alguma infração”. “Eles estão com a família no carro. É uma questão de consciência”.

Balanço: Às vésperas das festas de fim de ano, em apenas quatro dias, sete pessoas perderam a vida nas rodovias federais que cortam o Estado. Já no ano passado, no período de 10 dias cinco pessoas morreram também nas rodovias federais. Os números já evidenciam o aumento dos acidentes em relação a 2012.

Entre os dias 19 de dezembro e 23 (ontem), foram 79 acidentes e sete mortes nas rodovias federais do Estado. No ano passado, entre o dia 17 e 27 de dezembro, período de 10 dias, foram cinco vítimas fatais e 180 acidentes.

Do dia 15 de dezembro de 2012 ao dia 13 de fevereiro de 2013 38 mortes foram contabilizadas na estradas federias de Mato Grosso do Sul. Foram registrados 642 acidentes.

Família morreu em acidente na BR-163, em Rio Verde. (Foto: Ângela Bezerra).Família morreu em acidente na BR-163, em Rio Verde. (Foto: Ângela Bezerra).

Para os condutores que ainda não pegaram a estrada, a orientação da PRF é usar o bom senso. “Que essas pessoas façam uma viagem com bom senso, respeitando as pessoas que estão dentro do veículo e os demais que estão na estrada”, disse Motti.

Fazer a revisão do veículo, verificar o sistema de freio, iluminação e os extintores de incêndio são algumas das medidas de segurança que devem ser adotadas. “Não fazer ultrapassagem indevida e evitar o excesso de velocidade”, finaliza o inspetor da PRF.

Acidentes: No domingo, dia 22, um bebê de seis meses e um homem de 47 anos morreram após o Doblô onde estavam bater em duas árvores e pegar fogo. O acidente foi na BR-267, em Nova Andradina.
No dia 20 de dezembro, uma família ficou pelo caminho. Pai, mãe e dois filhos ocupavam uma Blazer, que se envolveu em acidente com caminhão na BR-163, em Rio Verde de Mato Grosso. Na hora, dois meninos – de 12 e 7 anos – morreram carbonizadas.

Em 17 de dezembro, acidente entre van e carreta matou 11 pessoas na BR-267, entre o distrito de Casa Verde e Nova Andradina. Com a colisão, a van explodiu e a carreta pegou fogo. A van seguia duas vezes por semana para o Paraguai, onde comerciantes de Três Lagoas compravam produtos para serem revendidos no Shopping Popular.



Passamos centímetros uns dos outros a mais de 100 Km/h nessas estradas arcaicas...qualquer descuido é fatal. Férias/viagens...atenção total. Dirigir não é uma atividade de lazer!
 
Elidio Pinheiro Filho em 24/12/2013 16:17:41
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions