A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

09/11/2012 18:30

Concurso da Educação terá prova regionalizada e validade de 2 anos, diz Fetems

Em reunião com Estado, Federação afirma que seleção terá pontuação maior para conteúdo específico

Nadyenka Castro
Fetms e governo em reunião nesta sexta-feira. (Foto: Divulgação)Fetms e governo em reunião nesta sexta-feira. (Foto: Divulgação)

Concurso público para a Educação no Estado terá prova regionalizada, validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período e pontuação maior para conteúdo específico. A afirmação é da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul), que se reuniu nesta sexta-feira com a secretária de Estado de Administração, Thie Higuchi Viega dos Santos, e a sua equipe.

“Hoje debatemos os pontos do edital e garantimos a questão das provas regionalizadas, da pontuação maior para o conteúdo específico e a validade de dois anos, podendo ser prorrogado por mais dois anos, do concurso público. Questões como quantitativo das vagas e publicação do edital ainda estão sendo debatidas, principalmente por conta do concurso de remoção que será publicado em breve”, afirma o presidente da Federação, Roberto Magno Botareli Cesar.

Segundo o secretário de finanças da Fetems, Jaime Teixeira, que também acompanhou a reunião, até o momento o Governo tem cumprido com o acordo feito com a Federação. “O processo de cumprimento do acordo entre FETEMS e Governo do Estado está tranquilo, até agora todos os pontos estão sendo atendidos dentro do prazo previsto e estamos participando de toda a construção de questões como o concurso público”, disse.

O texto do edital do concurso sofrerá as modificações necessárias, que foram debatidas hoje e depois a Fetems irá ter acesso para ver se todas as questões acordadas foram cumpridas.

Fetems quer 1,7 mil vagas em concurso para professor
A Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul) quer a abertura de 1,7 mil vagas no concurso para professor da educação bási...
André autoriza concurso para professor e Fetems negocia vagas
O governador André Puccinelli (PMDB) autorizou a realização de concurso público para preenchimento de vagas na educação básica, ensino fundamental e ...
UFGD oferece vagas em 36 cursos de graduação pelo Sisu
A UFGD (Universidade da Grande Dourados) está ofertando 944 vagas em 36 cursos de graduação para o Sisu (Sistema de Seleção Unificada). As inscrições...


A vergonha da FETEMS foi aceitar o 1/3 da hora atividade só para 2014!
 
Carlos Netto em 09/11/2012 19:00:49
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions