A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

22/11/2013 21:22

Conselheiro Waldir Neves, do TCE/MS, assume vice-presidência da ASUR

Vinícius Squinelo
Evento de posse ocorreu ontem (foto: divulgação)Evento de posse ocorreu ontem (foto: divulgação)

O conselheiro Waldir Neves, ouvidor do Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul, assumiu na quarta-feira (20) o cargo de 2º vice-presidente da Ansur (Associação das Entidades Oficiais de Controle Público do Mercosul). O evento aconteceu durante a IV Reunião Anual do Secretariado Permanente dos Tribunais Contas da Argentina, realizada nos dias 19, 20 e 21 em Viedma (Argentina).

O conselheiro do Tribunal de Contas do Rio Grande do Sul, Marco Peixoto, assumiu o cargo de presidente, tendo como 1º vice-presidente o conselheiro Wilson Wandall (TCE/SC) e como membros os conselheiros Severiano Costa Andrade (TO), Érico Desterro (AM), Algir Lorenzon (RS), Manoel Pires (TO) e Valdomiro Távora (CE).

De acordo com Waldir Neves o trabalho desenvolvido pela ASUR é muito importante, pois garante o intercâmbio de experiência de países que têm muito em comum e muito a aprender uns com os outros. “Nosso objetivo é que haja um controle público externo unificado e que possamos realizar um forte intercâmbio na conduta da fiscalização rigorosa do dinheiro público no âmbito do Mercosul”, afirmou.

A ASUR é uma entidade civil sem fins lucrativos, integrada pelas Entidades Públicas de Controle Externo dos países signatários do Mercosul (Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai e Venezuela).

Dentre os objetivos da Entidade estão o intercâmbio permanente de documentação e informação técnica entre os países membros; vinculação com entidades similares constituídas em outros mercados regionais, países e organismos internacionais; cooperação técnica, promoção de eventos e realização de atividades acadêmicas, docentes, de investigação e assessoramento.

Autorização para psicólogos aplicarem terapia de reorientação sexual é mantida
O juiz Waldemar Cláudio de Carvalho, da 14ª Vara Federal de Brasília, decidiu hoje (15) tornar definitiva a decisão liminar (provisória) que havia pr...
Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...
Acordo entre poupadores e bancos vai beneficiar 30% dos que entraram na Justiça
Das 10 milhões de pessoas que entraram na Justiça por perdas no rendimento de cadernetas de poupança, apenas cerca de 3 milhões serão beneficiadas, s...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions