A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 21 de Junho de 2018

19/03/2008 22:58

Conselho proíbe retirada de cauda e orelha de cães

Redação

Resolução baixada hoje pelo Conselho Federal de Medicina Veterinária proíbe uma prática comum: o corte de orelhas e caudas de cães. Também está proibida a retirada de unhas dos gatos. Para adotar a medida, a entidade alega que o procedimento interfere na capacidade de expressão do animal. Profissionais podem ter o registro cassado se ignorarem a decisão.

Os procedimentos só serão tolerados em casos extremos, como infecção dos tecidos ou situações semelhantes. A avaliação ficará a critério do médico veterinário, que deverá justificar a decisão por escrito aos conselhos regionais.

As mudanças promovidas nesta quarta-feira baniram também os procedimentos de cordectomia (corte nas cordas vocais), cirurgia solicitada por donos de cães insatisfeitos com os latidos.

Estados e municípios são os que mais contribuem para sustentar SUS
Entre 2002 e 2015, o governo federal foi a esfera de gestão que mais utilizou recursos do Sistema Único de Saúde (SUS), seguido pela esfera municipal...
Mega-Sena acumula de novo e pode pagar até R$ 38 milhões no sábado
O prêmio da Mega-Sena acumulou mais uma vez, depois do sorteio desta noite (20) e pode pagar até R$ 38 milhões, na próxima rodada. As sequências sort...
Ações sobre auxílio-moradia voltam ao STF depois de conciliação falhar
Diante da falta de conciliação com representantes de magistrados, a AGU (Advocacia-Geral da União) devolveu ao STF (Supremo Tribunal Federal) process...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions