A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 19 de Abril de 2018

03/04/2018 12:12

Conselho promete recorrer de aumento de até 10,65% na tarifa da energia

Embora tenha calculado percentuais de reajustes menores, a agência federal aprovou nesta terça-feira (3) o aumento médio de 9,87% nas tarifas cobradas pela Energisa, conforme o Concen

Anahi Zurutuza

O Concen (Conselho de Consumidores de Energia da Área de Concessão da Energisa em Mato Grosso do Sul) vai recorrer do aumento de 10,56% para consumidores residenciais e comerciais e 7,91% para os de alta tensão. O reajuste entra em vigor no dia 8 de abril.

De acordo com a assessoria de imprensa, o Concen “contratou consultoria para revisar os números usados como base para a revisão e encontrou incongruências, por isso entrará com recurso”.

O conselho defende reajuste dentro dos parâmetros anteriores estabelecidos pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) – aumento de 8,83% para os de baixa tensão e 6,8% para consumidores de alta tensão.

Embora tenha calculado percentuais de reajustes menores, a agência federal aprovou nesta terça-feira (3) o aumento médio de 9,87% nas tarifas cobradas pela Energisa.

O Concen informou, também por meio da assessoria de imprensa, que vai esperar a publicação da revisão tarifária no DOU (Diário Oficial da União) para entrar com o recurso.

Aneel autoriza aumento médio de 9,87% na tarifa da Energisa
A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) aprovou reajuste médio de 9,87% nas tarifas cobradas pela Energisa, concessionária que atende a maiori...
Apagão registrado nesta quarta deixou 37 mil clientes de MS sem energia
Pelo menos cinco municípios de Mato Grosso do Sul foram afetados pelo apagão que atingiu por completo cidades da região nordeste do país, na tarde de...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions