A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 18 de Julho de 2018

14/07/2009 22:59

Demarcação em MS é complexa, diz Ministério da Justiça

Redação

Os produtores que tiverem as fazendas desapropriadas no processo de demarcação de terras indígenas em Mato Grosso do Sul poderão ser compensados pela terra nua. No entanto, de acordo com a Constituição, somente as benfeitorias podem ser indenizadas. O secretário de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça, Pedro Abramovay, afirma que há "disposição concreta do governo federal de pagar essa compensação, junto com o governo do estado".

A possibilidade de perda das propriedades sem indenização preocupa os produtores rurais da região. Por isso, os fazendeiros, as lideranças indígenas, o Ministério Público e os governos estadual e federal estão negociando para encontrar uma solução que permita a continuidade do processo de demarcação no Estado.

"

Equipes tentam normalizar fornecimento de energia em cidades afetadas por apagão
Equipes da concessionária Copel (Companhia Paranaense de Energia) trabalham para normalizar o fornecimento de energia nos oito municípios de MS, afet...
Governo fixa preços de alimentos para a merenda em escolas estaduais
Resolução publicada nesta quarta-feira (18) no Diário Oficial do Estado fixou, até o fim deste ano, os preços estabelecidos para a compra de alimento...
Ações revertem quadro e MS avança no combate à mortalidade infantil, diz governo
O governo do Estado aponta que houve redução nos índices de mortalidade infantil em Mato Grosso do Sul e avançou seis posições no ranking nacional en...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions