A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

07/04/2009 10:33

Diretor diz que Enersul "também foi induzida ao erro"

Redação

O vice-presidente da Enersul, Sidney Simonaggio, fez há pouco sua sustentação oral, na reunião da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), em Brasília (DF), onde defendeu que a Enersul "também foi induzida a erro" quando na revisão de 2003 apresentou à Agência relatório que embasou a revisão tarifária.

Foi constatado erro na base de remuneração da empresa que fez com que o reajuste fosse muito acima do correto, gerando um crédito calculado hoje em R$ 150 milhões, aos consumidores. Simonaggio alegou que a Procuradoria Geral, em seu parecer, destacou que a Enersul não deu causa ao erro, ou seja, "assim como os senhores a Enersul também foi induzida ao erro".

Sobre o congelamento da tarifa ou devolução dos valores devidos aos consumidores, de uma vez, o diretor voltou a alegar que isso poderia trazer prejuízo aos próprios clientes, uma vez que a tendência seria de fortes aumentos nos anos seguintes.

Câmara Federal regulamenta carreira dos agentes comunitários de saúde
Com a presença de agentes comunitários nas galerias da Câmara, os deputados federais concluíram hoje (12) a votação do projeto de lei que regulamenta...
Anvisa libera serviço de vacinação em farmácias de todo o país
Farmácias e drogarias de todo o país vão poder oferecer o serviço de vacinação a clientes. A possibilidade foi garantida em resolução aprovada hoje (...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions