A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 16 de Dezembro de 2018

20/03/2014 15:00

Em MS, 61% dos professores do ensino médio são temporários

Aline dos Santos

Em Mato Grosso do Sul, 61% dos professores têm contratos temporários. Os dados são de auditoria do TCU (Tribunal de Contas da União), que avaliou a oferta e a qualidade do ensino médio no Brasil.

No País, a média de professores contratados é de 30%. No entanto, Mato Grosso do Sul faz parte da lista dos 11 Estados que têm esta modalidade de contratação acima da média nacional.

O levantamento ainda mostra déficit de 625 profissionais com formação específica no Estado. A maioria é na disciplina de Física: 206.

O mesmo cenário foi retratado no diagnóstico nacional. Há um déficit estimado de 32.738 professores com formação específica nas disciplinas obrigatórias do ensino médio nas redes estaduais de educação em todo o Brasil.

Física é a disciplina com maior déficit: mais de nove mil professores. Ao analisar o quadro de docentes no Brasil, a auditoria revela que há 61 mil professores fora da sala de aula, sendo 40 mil em atividades administrativas, 16 mil em outros tipos de afastamento e 5 mil cedidos a outros órgãos não relacionados à área educacional.

O diagnóstico é resultado de trabalho realizado em sistema de colaboração entre o TCU e outros 28 tribunais de contas estaduais. O levantamento contou com 90 auditores e foram visitadas 580 escolas em todo o território nacional.

O TCU determinou ao Ministério da Educação que apresente plano de ação que contemple, entre outros aspectos, a elaboração de modelo avaliativo que possibilite exprimir a qualidade do ensino médio por escola, e a regulamentação de padrões mínimos de qualidade de ensino, de forma a permitir a definição de valor mínimo por aluno que assegure um ensino de qualidade e sirva de parâmetro orientador da complementação da União ao Fundeb de cada estado.

O Campo Grande News tentou falar com o presidente da Fetems (Federação dos Trabalhadores de Educação de Mato Grosso do Sul), mas Roberto Botarelli Cezar, não foi localizado. 

Ministério da Saúde faz alerta para vacinação em período de férias
Ministério da Saúde faz um alerta aos viajantes neste fim de ano: manter a caderneta de vacinação atualizada é fundamental para ter uma viagem saudáv...
Ninguém acerta e Mega-Sena pode pagar R$ 48 milhões na terça-feira
A Mega-Sena acumulou mais uma vez e agora pode pagar R$ 48 milhões caso alguém acerte as seis dezenas que serão sorteadas na próxima terça-feira (18)...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions