A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 25 de Setembro de 2017

02/08/2017 09:37

Governo divulga lista de isentos de taxa do concurso da Polícia Civil

Quem teve pedido recusado deverá pagar o boleto até quinta-feira.

Ricardo Campos Jr.

Candidatos que solicitaram isenção da taxa de inscrição dos concursos para delegado e agente da Polícia Civil podem consultar se tiveram os pedidos aceitos ou negados em lista publicada na nesta quarta-feira (2) no Diário Oficial. Aqueles cujo benefício foi recusado têm até amanhã, dia 3 de agosto, para fazer o pagamento do boleto e continuar no processo seletivo.

A relação está disponível entre as páginas 4 e 7 do informativo. Quem teve o pedido negado poderá apresentar um requerimento para ter acesso aos motivos que levaram os organizadores do concurso a tomarem a decisão.

Porém, a resposta, que será dada em até 20 dias, será em caráter de esclarecimentos e não serve como recurso, de forma que se o inscrito não recolher a taxa ficará de fora do certame.

A isenção é dada àqueles que não têm condições de arcar com os custos do certame. Inicialmente o governo negou o benefício aos candidatos para o cargo de delegado que atendiam as condições para obtê-lo, mas que viviam em outros estados ou moravam em Mato Grosso do Sul há menos de três anos.

O Ministério Público interveio e a Justiça mandou o poder público reabrir as inscrições e contemplar todos de forma igualitária, levando em conta, obviamente, o perfil econômico de cada um.

Dessa forma, o edital publicado hoje também abre prazo de cinco dias para solicitarem o reembolso aqueles que tiveram os pedidos inicialmente recusados por esse motivo, fizeram o pagamento da taxa para não perderem a chande de concorrer ao cargo e foram contemplados na lista publicada hoje.

Os formulários de requerimento estão disponíveis no site da organizadora do processo seletivo. Eles devem ser preenchidos e enviados por correio ou entregues pessoalmente na SAD (Secretaria de Administração e Desburocratização), cujo endereço está no Diário Oficial.

Deverão ser anexadas cópias dos documentos pessoais e do comprovante de pagamento da taxa feito anteriormente e comprovante de residência.

Concurso - São dois editais. Um deles é para delegado, com 30 vagas e remuneração de R$ 14.978,26. O interessado precisa ter curso superior de graduação em Direito, comprovado mediante apresentação, no ato da posse, de Diploma, devidamente registrado, fornecido por instituição de Ensino Superior, reconhecida pelo Ministério da Educação, acompanhado do respectivo Histórico Escolar. O edital pode ser visto aqui.

O outro edital disponibiliza 180 vagas para Agente de Polícia, sendo que 100 são destinadas a Escrivão de Polícia Judiciária e 80 para a função de Investigador de Polícia Judiciária. É preciso ter curso superior para essas duas funções. A remuneração neste caso é de R$ 3.888,26. Veja aqui o edital.

Fapems diz que fecha na sexta número de candidatos em concurso da Polícia Civil
A Fapems (Fundação de Apoio à Pesquisa ao Ensino e à Cultura) pretende fechar na sexta-feira, 14, o número oficial de inscritos no concurso público d...
No fim do prazo, site para concurso da Polícia Civil fica instável
O ultimo dia do prazo para confirmação de inscrição no concurso da Polícia Civil em Mato Grosso do Sul, nesta segunda-feira, 10, foi marcado por difi...
Inscrições para concurso da Polícia Civil com 210 vagas se encerram hoje
Ainda dá tempo para realizar a inscrição para o concurso da Polícia Civil com 210 vagas, com oportunidades para delegados, investigadores e escrivães...
Mais de 6 mil pedidos de isenção do concurso da Polícia Civil são negados
Foi pblicado no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (30), o resultado dos pedidos de isenção da taxa de R$ 197. Mais de 6 mil pedidos foram ne...



Quero expressar minha revolta contra essa comissão que analisa pedidos de isenção.

Estou desempregado a um ano, comprovadamente que não possuo renda fixa, faço bicos para o sustendo da minha família.
Entreguei todos os documentos que comprove estar desempregado e mesmo assim meu pedido foi INDEFERIDO pela organização.
Emprestei o dinheiro para o onibus e me deslocar até o Parque dos Poderes e protocolar meu pedido. Como foi INDEFERIDA minha solicitação não tenho condições de pagar a inscrição e participar do concurso.

Sr GOVERNADOR peço que essas pessoas que analisam, sejam mais responsáveis pelo processo de analise de isenção.
 
Lucatop em 02/08/2017 15:44:11
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions