A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 30 de Março de 2017

11/10/2011 16:59

Lei que prevê até 90 dias de aviso prévio a trabalhador é sancionada

Luciana Lima, da Agência Brasil

Brásília - A presidenta Dilma Rousseff sancionou hoje (11) sem vetos a lei aprovada pela Câmara dos Deputados que concede aviso prévio de até 90 dias, proporcional ao tempo de trabalho.

A informação foi confirmada pela Casa Civil da Presidência da República. A mudança será publicada no Diário Oficial da União da próxima quinta-feira, quando começará a valer.

Atualmente, os trabalhadores têm direito a 30 dias de aviso prévio. A nova lei determina que seja mantido o prazo atual de 30 dias de aviso prévio, com o acréscimo de três dias por ano trabalhado, podendo chegar ao limite de 90 dias (60 dias mais os 30 dias atuais).

Com a mudança, o empregado terá direito aos 90 dias de aviso prévio quando completar 20 anos de trabalho.

Encerra hoje inscrição de curso de fuzileiros navais com 75 vagas no Estado
Termina hoje inscrição do processo seletivo de 1.300 candidatos para a formação de soldados fuzileiros navais. São 75 vagas em Mato Grosso do Sul, to...
Conselho Regional de Química abre concurso para cargos em nível médio e superior
O Conselho Regional de Química de Mato Grosso do Sul, abriu edital com três vagas e formação de cadastro de reserva, para profissionais de nível médi...
UEMS continua com inscrições abertas de concurso para 58 vagas
A UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) está com inscrições abertas para o concurso público com 34 vagas para cargos de nível médio e 24...
Funsat Itinerante visita três bairros nesta semana em Campo Grande
Três bairros serão visitados nesta semana pelo programa Funsat Itinerante, realizado pela Funsat (Fundação Social do Trabalho) em Campo Grande. Os tr...



Já que tem tantas leis para os trabalhadores, porque não fazem uma que o funcionário com certo tempo de empresa {5,10 ou 15 anos } com vontade de pedir demissão pudesse sacar o fundo de garantia sem nemhum prejuizo .Percebo que tem muito funcionário gostaria de pedir .
obs. procrem fazer uma pesquisa sobre esse assunto .
Obrigado
 
Enio Garcia de Abreu em 15/10/2011 09:15:27
Só não ficou claro se o aviso prévio extra(3 dias por ano trabalhado) será indenizado ou trabalhado. Se for trabalhado é um absurdo, pois imagina, ter que trabalhar até 90 dias
sem perspectivas, sabendo que vai sair, acha que o funcionário vai vestir a camisa da empresa nesse período? É pra acabar.....



 
Erdin Grau em 12/10/2011 09:18:43
NOssa,... 90 dias???. imagine aquele funcionáio que já não aguenta mais o pessoal, principalmente a cara do chefe... ter que aguentá-lo por mais 90 dias... huahauhau... isso é pior que votar errado!!!
 
Marcelo Max em 11/10/2011 05:55:35
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions