A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

05/02/2009 12:00

Famílias de presas vivem dias de angústia em Três Lagoas

Redação

Familiares das detentas transferidas do presídio de Três Lagoas fazem hoje à tarde uma manifestação para que a Justiça as traga de volta para o município. As famílias farão uma passeata saindo da frente da unidade penal até o Fórum da cidade.

"Minha mulher foi levada daqui para Rio Brilhante, nossa filha de nove meses até hoje sente a falta da mãe", diz o esposo de uma das presidiárias que preferiu se identificar apenas pelo primeiro nome, Valter.

No dia 11 de setembro de 2008, o juiz da 1ª Vara Criminal. Renato Antônio de Liberali, determinou a interdição do estabelecimento penal feminino de Três Lagoas. Em sua decisão o juiz argumentou que as presidiárias estavam enfrentando uma situação desumana devido à superlotação.

Depois disso, o governo do Estado transferiu todas as 67 detentas para três unidades penais em Mato Grosso do Sul, Rio Brilhante, São Gabriel do Oeste e Corumbá, até que o presídio fosse reformado.

"

Indenizações por morte no trânsito crescem 24% em relação a 2016
O número de indenizações pagas pelo Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (Seguro Dpvat) entre janeiro e novemb...
ANS regulamenta novas regras de compartilhamento para planos de saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou duas resoluções normativas na tentativa de dar mais segurança e estabilidade ao mercado de pla...
UFMS recebe inscrições para vários cursos no Vestibular 2018
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions