A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

05/08/2013 09:21

Frente fria deve causar chuva no sul, mas estiagem segue na Capital

Aliny Mary Dias
Campo Grande deve enfrentar mais 10 dias sem chuva (Foto: Cleber Gellio)Campo Grande deve enfrentar mais 10 dias sem chuva (Foto: Cleber Gellio)

Há 13 dias sem registrar chuvas, o alívio para a região sul de Mato Grosso do Sul só deve chegar na próxima quinta-feira (8) com uma frente fria vinda do sul do país. Em Campo Grande, onde a umidade relativa do ar em torno de 20% vem castigando os moradores, a estiagem deve durar um mês.

Segundo a meteorologista Cátia Braga do Cemtec (Centro de Monitoramento de Tempo, do Clima e dos Recursos Hídricos de Mato Grosso do Sul), a frente fria deve aliviar a sensação de clima seco com o aumento da umidade do ar.

“Nesta semana as máximas nessas cidades estão entre 30ºC e 32ºC, com a chegada da frente fria essas temperaturas não caem muito e devem ficar em 23ºC”, afirma a meteorologista. Já a umidade do ar deve ficar na casa dos 60%.

O último dia a registrar chuva na região sul foi em 23 de julho, quando Ponta Porã, por exemplo, teve pancadas de chuva que somaram 1,8 milímetro. Em Dourados, a chuva somou apenas 1 milímetro.

Em Campo Grande, a chuva apareceu pela última vez no dia 21 de julho. Há 15 dias sem registrar chuvas, não há previsão para as próximas pancadas. “Pelo menos até o dia 15 de agosto não temos previsão de chuva para a região central do Estado”.

A previsão para esta segunda-feira (5) é que a máxima em Campo Grande seja de 31ºC com umidade relativa de 54% durante a manhã e 48% à tarde. Em Ponta Porã, a segunda-feira terá temperatura máxima de 27ºC e umidade relativa do ar em 67%.

Na semana passada, vários municípios ficaram no estado de emergência, com a umidade relativa do ar ficando abaixo de 20%. Na Capital, o estado foi de atenção, com o tempo seco ficando entre 20% e 30%. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions