A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 13 de Dezembro de 2018

28/07/2009 16:39

Funai pode criar as três primeiras aldeias de Iguatemi

Redação

Sem contar com nenhum índio acampado ou residindo em reserva, o município de Iguatemi, localizado a 490 quilômetros de Campo Grande, entrou na rota dos conflitos indígenas com a constituição dos grupos de estudo pela Funai (Fundação Nacional do Índio).

A situação preocupa o prefeito José Roberto Arcoverde (PSDB), que é médico veterinário e produtor rural. Em visita hoje ao Campo Grande News ele falou que os estudos poderão determinar a criação das três primeiras aldeias indígenas de Iguatemi. "Como não tem aldeia, não temos como dimensionar o tamanho da área (a ser demarcada)", explicou.

A principal preocupação é evitar a expropriação das propriedades rurais. Ele esclareceu que a desapropriação não preocupa tanto, porque o produtor rural será indenizado pelo valor da terra.

Iguatemi tem 800 produtores rurais. Por isso, a prefeitura está junto com Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul) para auxiliar os agricultores e pecuaristas.

Outros 25 municípios poderão ser atingidos pelas novas áreas e ampliação das aldeias existentes. A Funai deverá iniciar os estudos na próxima semana.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions