A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

25/10/2013 12:30

Governador espera dobrar vagas e meta do Projovem em MS

Leonardo Rocha
Governador participa da entrega de certificados do Projovem Trabalhador (Foto: Marcos Ermínio)Governador participa da entrega de certificados do Projovem Trabalhador (Foto: Marcos Ermínio)

O governador André Puccinelli (PMDB) afirmou hoje durante a entrega de 1.617 certificados do Programa Projovem Trabalhador – Juventude Cidadã, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, que espera que a meta de formação de estudantes, assim como a inserção no mercado de trabalho seja dobrada em Mato Grosso do Sul.

“O sucesso desta qualificação depende da força de vontade dos estudantes, nós fazemos nossa parte e espero que as metas sejam dobradas, se está previsto que 30% dos estudantes sejam inseridos no mercado, vamos trabalhar que ao menos 50% sejam contratados”, destacou ele.

André ponderou que no “mundo globalizado” quem não tiver qualificação não terá oportunidade no mercado e ficará em segundo plano. “Esta parceria com o governo federal visa justamente dar esta oportunidade e emprego ao jovem, dando a ele capacitação para poder exercer sua função com competência”.

O Projovem Trabalhador entregou 1.566 certificados a estudantes de Campo Grande, 27 para alunos de Bandeirantes e 24 para Jaraguari. Este projeto é uma parceria entre governo estadual que deu uma contrapartida de R$ 1,6 milhão e Ministério do Trabalho e Emprego que disponibilizou um aporte de R$ 8.893.000,00.

O deputado federal Fábio Trad (PMDB) destacou, durante o evento, que o mercado de trabalho está competitivo e que esta parceria entre executivo federal e estadual possibilita que “milhares” de jovens possam disputar as vagas com qualificação. “Quando perguntarem ao jovem se ele tem experiência, ele vai responder que tem qualificação”.

Meta – O Programa espera atender em Mato Grosso do Sul 5.500 alunos em 39 cidades, entre as metas do projeto está à inserção de 30% dos jovens no mercado de trabalho. “Cerca de 80% desta meta já foi cumprida, temos certeza que vamos ultrapassar e seguir em frente”, destacou Tânia Garib, secretária da Setas (Secretaria de Estado e Trabalho e Assistência Social).

Público – Os estudantes incluídos no Projovem-Trabalhador precisaram preencher os requisitos necessários, entre eles ter entre 18 a 29 anos, dispor de uma renda per capita de apenas um salário mínimo e ainda estar desempregado. Eles receberam durante os seis meses de curso, um auxílio financeiro mensal de R$ 100,00, além de lanche e auxílio transporte diário.

Mudanças – Tânia Garib destacou que a partir de 2014 o Projovem – Trabalhador será incluído no Programa Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego) que irá atuar em várias frentes, entre elas: indígena, quilombolas, tecnológicos, seguro desemprego e o trabalhador e será conduzido pelo Sistema “S”.

“No dia 15 de outubro fomos avisados pelo Ministério do Trabalho para enviarmos nossa reivindicação de vagas e nós queremos cota para 60 mil alunos para atender os 79 municípios do Estado”.

Inscrições para o Vestibular 2018 da UFMS seguem abertas
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
Autorização para psicólogos aplicarem terapia de reorientação sexual é mantida
O juiz Waldemar Cláudio de Carvalho, da 14ª Vara Federal de Brasília, decidiu hoje (15) tornar definitiva a decisão liminar (provisória) que havia pr...
Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions