A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

18/08/2013 15:57

Grupo invade fazenda de brasileiro no Paraguai e cinco pessoas acabam mortas

Jéssica Benitez

Uma fazenda na cidade paraguaia de Tacuatí, 400 km de Assunção, foi invadida ontem à noite pelo grupo Exército do Povo Paraguaio e, após ataque violento, cinco pessoas foram mortas. Conforme informações preliminares apuradas pelo jornal “Última Hora”, a o local pertence ao fazendeiro brasileiro Renato Rezende Barbosa.

Segundo a polícia, o ataque ocorreu no início da noite quando o capataz da fazenda, seu chefe de segurança e outros quatro guardas foram cercados e rendidos por dez ou 12 homens armados e vestidos com uniforme camuflado.

Os criminosos liberaram o capataz e levaram os guardas a uma área de floresta, onde foram encontrados os corpos dos quatro seguranças. O local foi descoberto após denúncia do capataz à polícia, que foi à fazenda e trocou tiros com os guerrilheiros. Um policial foi baleado.

Neste domingo foi encontrado o quinto cadáver dos seguranças mortos. O ministro do Interior paraguaio, Francisco de Vargas, declarou alerta máximo na região e disse que é necessário estratégia para combater o Exército do Povo Paraguaio. "Se vamos reagir apenas em cada evento vamos cair no mesmo erro de deixar exposta nossa estratégia. Temos que atuar de forma proativa e deixar de lado a reação”.

Este é o ataque desde que o novo presidente do Paraguai, Horácio Cartes, tomou posse na semana passada. A guerrilha atua nos departamentos de San Pedro e Concepción, os mais pobres do país. Este último faz fronteira com o Mato Grosso do Sul.

Histórico - O ataque último ataque da guerrilha havia ocorrido em maio, quando o grupo matou o empresário Luis Lindstron, que, segundo seu irmão, Aníbal, pagava aos criminosos para se manter vivo. A polícia paraguaia atribui ao grupo diversos ataques contra fazendeiros e a postos policiais, além de sequestros.



O GOV. BRASILEIRO DEVERIA MANDAR REPRESENTANTES PARA AUXILIAR NAS INVESTIGAÇÕES POIS SÃO VIDAS BRASILEIRAS QUE ESTÃO SENDO CEIFADAS , O ITAMARATI DEVERIA ACOMPANHAR TUDO DE PERTO E SE FOR O CASO RETIRAR BRASILEIROS QUE ESTÃO LA EM SITUAÇÃO DE RISCO.
 
jose moraes em 18/08/2013 18:55:48
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions