A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 14 de Novembro de 2018

08/07/2009 08:13

Grupo lesava beneficiários do Vale Renda desde 2007

Redação

O esquema de estelionato vitimando beneficiários do Vale Renda existia desde 2007, segundo apurou a Polícia Civil.

Em Mato Grosso do Sul os golpes começaram por Ponta Porã, onde foram identificadas 21 vítimas.

Os estelionatários obrigavam as famílias a comprarem livros dizendo que, do contrário, seriam excluídas do programa do governo Vale Renda.

Neste momento ocorre uma coletiva para informar detalhes sobre a atuação do grupo. A coleção de livros é da editora Mundial, de Birigui, cidade no interior paulista.

Após investigação, a Polícia constatou que a empresa tinha como representante em Campo Grande a Gênesis Editora, através de Márcio Alves Figueiredo, de 35 anos.

Ele contratava supervisores de venda nos municípios, que arregimentavam os vendedores. A comissão era de 18,5% por kit vendido. Foi apurado que no Estado foram vendidos mais de 15 mil livros, durante dois anos.

Um dos supervisores foi identificado como Ricardo Luiz Ferreira Machado, de 30 anos, que contratou seis vendedores em Ponta Porã.

As vítimas eram famílias pobres, que recebiam o auxílio de R$ 120,00 do governo federal.

Muitas delas sequer sabiam ler, segundo apurou a Polícia e há caso de uma família que estava com energia cortada há três meses. Oito pessoas serão indiciadas.

Em audiência, ANS discute nova proposta de reajuste de planos de saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) propôs hoje (13), em audiência pública, uma nova metodologia para o cálculo do reajuste anual dos plano...
Mega-Sena pode pagar até R$ 33 milhões no sorteio desta quarta-feira
Amanhã (14) o sorteio da Mega-Sena pode pagar até R$ 33 milhões para quem acertar as seis dezenas do prêmio principal. A rodada chegou esse valor dep...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions