A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

24/03/2008 18:19

Inmetro quer evitar venda de brinquedos no Camelódromo

Redação

 

O Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial) deve atuar na proibição da venda de brinquedos no Centro Comercial Popular, o Camelódromo de Campo Grande. O objetivo, segundo o diretor técnico do órgão, Sérgio Maia, é evitar problemas com brinquedos pirateados que podem causar problemas à saúde de crianças. A proibição viria em forma de TAC (Termo de Ajustamento de Conduta), semelhante ao acordo firmado no ano passado para coibir a comercialização de CDs e DVDs pirata no local.

Maia explica que, para conseguir o TAC é preciso envolvimento da Prefeitura de Campo Grande, do MPE (Ministério Público Estadual) e, claro, dos comerciantes.

Temer veta projeto sobre negociação coletiva no serviço público
O presidente Michel Temer vetou integralmente o Projeto de Lei nº 3.831/15, aprovado pelo Congresso Nacional, que estabelecia normas para a negociaçã...
UFMS divulga edital do vestibular para ingresso em cursos de graduação
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) divulgou, nesta segunda-feira (18), edital do processo seletivo do vestibular para ingresso em cu...
Aplicativo enviará à CGU denúncias de agressão e discriminação a pessoas LGBTI+
O Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União recebe, a partir de hoje (18), denúncias feitas pelo aplicativo TODXS, relativas à discr...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions