ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, QUARTA  27    CAMPO GRANDE 21º

Interior

A caminho de atendimento, carro da Energisa fica “empinado” em cratera

Equipe estava se direcionando para atender o assentamento Urucum, que ficou sem energia elétrica

Por Aletheya Alves | 13/01/2021 16:25
Veículo ficou preso em cratera durante atendimento. (Foto: Diário Corumbaense)
Veículo ficou preso em cratera durante atendimento. (Foto: Diário Corumbaense)

Carro da Energisa “empinado” ao ficar preso em cratera constitui mais um registro entre as várias cenas causadas pela chuva forte na última madrugada em Ladário, a 426 km de Campo Grande, e região. Conforme divulgado pelo site Diário Corumbaense, a equipe se deslocava para realizar atendimento no assentamento Urucum.

O veículo estava em estrada do assentamento para verificar a falta de energia elétrica nesta quarta-feira (13). Alagamentos em residências, rompimento de tubulações e quedas de árvores também foram registrados em Ladário. Na cidade, um dos locais mais afetados foi o bairro Santo Antônio, com a chuva tomando conta da via.

Área de piscina da Marinha ficou alagada e água transbordou. (Foto: Diário Corumbaense)
Área de piscina da Marinha ficou alagada e água transbordou. (Foto: Diário Corumbaense)

Tentando atender as emergências, a prefeitura informou que as secretarias de Obras e Infraestrutura, Assistência Social e Fundação de Meio Ambiente estão em ação. Devido aos estragos causados também em Corumbá, a prefeitura está preparando ginásio para abrigar famílias do município.

Para conseguir concentrar todas as ações, um posto emergencial foi montado na Escola Municipal José de Souza Damy e até às 15h, 140 famílias foram atendidas. Mais um exemplo da situação crítica foi registrado pelo Corpo de Bombeiros, em que moradores ajudaram a equipe durante resgate de famílias.

No bairro Popular Velha, foi necessário uso de uma corda para salvar os moradores que permaneceram ilhados. Mesmo com as complicações, ninguém se machucou e desde a madrugada equipes estão nas ruas.

Até o momento, a previsão do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) é de que as chuvas continuem na região, com tempo nublado e pancadas de chuva.

Bombeiros e moradores durante resgate de famílias. (Foto: Diário Corumbaense)
Bombeiros e moradores durante resgate de famílias. (Foto: Diário Corumbaense)


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário