A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

05/02/2016 17:08

Após cancelamento, empresário organiza Carnaval com preço acessível

Mariana Rodrigues
Empresário e amigos se organizaram para realizar o Carnaval neste ano. (Foto: Rio Pardo News)Empresário e amigos se organizaram para realizar o Carnaval neste ano. (Foto: Rio Pardo News)

Assim como em outras cidades, que acataram a recomendação do MPE/MS (Ministério Público Estadual) em não realizar o Carnaval neste ano, Ribas do Rio Pardo, a 103 quilômetros de Campo Grande, contou com a ajuda de empresários e dos blocos carnavalescos para organizar o "Unidos na Folia".

O empresário Marcelo Leite de Moraes, 30 anos, juntamente com a Associação Comercial e Empresarial do município, Governo do Estado e blocos do carnaval, se juntaram para realizar a festa. "Como parte da estrutura que seria usada pela prefeitura era minha, eu decidi usá-la para realizar o Carnaval", conta.

Segundo informações do organizador, o carnaval deste ano começa no sábado (6) e termina na madrugada da quarta-feira de cinzas. A festa será realizada no Clube do Laço Agro-Rio e conta com a animação de duas bandas.

Ainda segundo informações do organizador no domingo (7), haverá matinê com entrada franca e concursos de fantasias infantis. "A entrada é simbólica, e custa R$ 5 por dia, mas quem estiver com os abadás dos blocos de Ribas podem entrar gratuitamente", conta Marcelo.

Segundo informações do site Rio Pardo News, foram contratados 45 seguranças particulares, além dos policiais militares que vão garantir a segurança dos foliões.

Cancelamento - O MPE/MS (Ministério Público Estadual) recomendou, no final do mês de janeiro, que Ribas do Rio Pardo não usasse recursos públicos para a realização do Ribas Folia. O Promotor de Justiça, George Zarour instaurou inquérito para apurar irregularidades na utilização de recursos públicos para a realização do Carnaval municipal.

O prefeito José Domingues Ramos decidiu acatar a recomendação e acabou cancelando o carnaval. "Todos os esforços foram feitos por parte da administração no sentido de manter a tradição de sempre fazer o evento", disse ele ao se desculpar sobre a decisão de acatar a recomendação do MPE.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions